Nora Roberts – Trilogia das chaves

A trilogia das chaves é envolta em magia e mistério, os personagens são muito diferentes uns dos outros, e cada casal que se forma é único.
Bem, os livros contam a história de três filhas de um deus e uma mortal que tiveram suas almas roubadas e aprisionadas numa caixa com três fechaduras, a cada geração nascem três mulheres que podem liberta-las.
As escolhidas nesta geração foram Malory Price, a gerente de uma galeria de artes, Dana Steele, uma bibliotecária e Zoe McCourt, uma cabelereira; estas receberam um convite para visitar uma mansão que fica no Pico do Guerreiro, lá Rowena e Pitte as contratarão para procurar as chaves, se conseguirem cada uma ganha um milhão de doláres, se falharem, perdem um ano de suas vidas.
Após pouco tempo de convívio as três mulheres se tornam amigas e juntas vão começar a busca pelas chaves, também decidem abrir um negócio próprio, um espaço único chamado Indulgence, onde terá uma galeria de artes, uma livraria e um salão de beleza.
Eu particularmente me identifiquei muito com a Dana Steele, apaixonada pela leitura e dona de uma livraria, sem dúvida meu sonho de consumo...


Essa capa ficou horrível, muito infantil....


Em A Chave da Luz, é onde a busca começa e a Malory é escolhida para iniciar essa busca, em meio a toda confusão ela se apaixona por Flynn, irmão da Dana.
O rapaz é editor de um jornal, um sujeito bastante sossegado, e se junta a busca das chaves um tanto desconfiado, até que realmente começa a acreditar em toda a história.
Ah, e como não podia faltar, o vilão da história se chama Kane e faz de tudo para afastar as três mulheres de seus objetivos.

Em A Chave do Saber, a escolhida é Dana Steele, a busca fica mais difícil e mortal, um novo personagem entra na história, Jordan Hawke, um ex-namorado de Dana, que agora é escritor, e se vê ligado a busca das três mulheres.
A paixão que Dana sentia por Jordan e supunha já ter desaparecido ressurgi e somente quando ela conseguir lidar com esses sentimentos é que será capaz de encontrar sua chave.

A Chave da coragem é meu favorito, Zoe é esperta, cheia de energia, uma lutadora, foi mãe muito nova e sozinha cria o filho, Simon.
Sua busca é a mais difícil, pois nesse momento começam os preparativos para a abertura da Indulgence, também se sente atraida por Bradley Vane, um amigo de infância de Jordan e Flynn.
Kane fica cada vez mais perigoso, e isso aumenta o receio de Zoe em envolver Brad na busca.

Enfim, gostei muito da leitura é leve e envolvente, no estilo "e viveram felizes para sempre"...

0 comentários:

Deixe seu comentário