A dança da floresta - Juliet Marillier

Esta é uma história mágica, que transita entre um mundo mítico e um castelo na Transilvânia... Jena, uma garota de 15 anos, seu sapinho de estimação Gogu e suas quatro irmãs guardam um segredo: desde pequeninas, em toda noite de Lua Cheia, fazem sombras com as mãos contra uma pedra, abrindo um misterioso portal para uma floresta mágica, onde dançam com encantadoras e bizarras criaturas fantásticas. Porém, elas não imaginavam que suas vidas mudariam drasticamente: o pai adoece e, por recomendações médicas, vai para uma região onde o inverno é mais ameno. Jena e sua irmã Tati ficam encarregadas de cuidar dos negócios da família no castelo Piscul Dracului. As coisas vão bem até que um trágico acidente deixa tudo fora de controle. Para piorar, sua irmã se apaixonara por uma das misteriosas criaturas da Clareira Dançante da floresta...

Resumindo o livro em uma palavra: SENSACIONAL...
Eu amo contos de fadas e até onde pude perceber o livro lembra bastante o conto "As doze princesas bailarinas", mas nesse caso são 5 irmãs e também me fez lembrar da "Princesa e o Sapo"...
Tati tem 16 anos, é a irmã mais velha e a mais bonita... Jena, de 15 anos, é a mais responsável, corajosa e aventureira... Iulia tem 13 anos, é esperta, adora dançar e ser o centro das atenções... Paula é a estudiosa, adora ler e estudar... e por fim Stela que tem 05 anos e é ainda uma garotinha que está aprendendo a ler...
Essas 05 irmãs guardam um grande segredo, toda lua cheia atravessam um portal e vão visitar um baile em outro reino...
Mas ultimamente as coisas não andam nada bem, o pai das meninas adoece, e elas precisam se cuidar sozinhas, além de ter de lidar com as constantes interferências de um primo chamado Cezar que aos poucos vai se revelando um homem perverso...
Jena por ser a mais responsável é a que mais sofre com esse enorme fardo... ela possui um companheiro inseparável, o sapo Gogu... e jura que pode escutar claramente o que ele pensa...
Como se não bastasse, Tati se apaixona por um Ser das trevas e sua vida está em risco... nesse ponto achei muito interessante constatar que a autora deixa bem claro que se trata de vampiros, mas em nenhum momento usa o termo... é como se estivéssemos lendo uma história em um período onde o termo vampiro ainda não tinha sido inventado...
A história se passa na Romênia, mais precisamente na Transilvânia... e é bastante interessante lermos à respeito das lendas locais...
Para mim foi bem fácil descobrir todos os mistérios que cercavam a história (acho que a minha imaginação anda muito solta), mas nem por isso a história deixa de ser interessante...
Os dialogos de Jena e Gogu (o sapo) são ótimos e é impossível não torcer por essa excêntrica dupla, ou seria um casal??
Enfim, leiam porque dificilmente se arrependerão...

Para terem uma pequena idéia do que lhes aguarda, prove a leitura do 1º capítulo do livro...

13 comentários:

Deixe seu comentário