O Segredo do Duque - Terri Brisbin



"Tudo que Miranda Warfield sempre havia desejado era ser esposa de um homem, não de um título de nobreza! Mas, há anos seu casamento com Adrian, duque de Windmare, não passava de uma cordial aliança entre as famílias. Agora, miraculosamente, o carinhoso e apaixonado Adrian que Miranda conhecera na juventude tinha ressuscitado, fazendo-a voltar a sentir-se uma noiva. Mas Miranda devia confiar nesse
novo Adrian? Por que seu marido, de repente, estava marcando encontros secretos com o advogado para aconselhar-se sobre cavalheiros solteiros da sociedade? Será que os olhos de seu marido traziam um segredo que os lábios ardentes negavam?"




O pai de Miranda sempre sonhou em casá-la com alguém da nobreza, mas se conformou em casá-la com o segundo filho de um duque (título mais alto da nobreza britânica)...
Sendo assim Miranda e Adrian se casam jovens, mas após um ano de casados o irmão de Adrian morre, deixando o ducado para ele...
Resta ao Adrian aprender a ser um duque e Miranda uma duquesa... para ensiná-los ninguém melhor do que a Megera, que dizer a Matriarca...
A matriarca é A SOGRA... impõe padrões altos para o filho e principalmente para Miranda, com isso o casal se afasta... Adrian não ama a esposa e mantém uma amante... enquanto Miranda é passiva e uma verdadeira dama, aceitando tudo com dignidade próprios de uma duquesa...
As "relações maritais" são pré-agendadas (toda quinta) e tem como objetivo apenas a procriação (nossa, parece que estamos falando de gado), mas após quase sete anos de casamento... Miranda nunca conseguiu engravidar...
Adrian tem asma e descobre que tem poucos dias de vida... talvez viva menos de um ano... com essa descoberta, ele larga a amante e passa a conhecer mais a esposa, começa a preparar todas as coisas para sua partida... e pensa inclusive em arranjar um novo esposo para Miranda...
É claro que toda essa história tem várias reviravoltas e desencontros (principalmente se a megera, ops... a Matriarca puder ajudar)...
Miranda se revela uma mulher forte, decidida... e Adrian um homem apaixonado...
Eu amo romances históricos, mas detesto quando encontro falhas e atitudes que não correspondem a época... e esse não só traz uma história muito bonita, como também o comportamento dos personagens são bastante verossíveis...
Recomendo!! Ah, é a capa é linda, né??

0 comentários:

Deixe seu comentário