O Sabor do Mel [Trilogia Amores Possíveis] - Eileen Goudge

O próspero e ensolarado vale da Califórnia que Eileen Goudge apresenta em Estranhos no Paraíso é um mundo por si só habitado por personagens inesquecíveis que enfrentam, de peito aberto, a vida, o amor, a felicidade e o sofrimento. No cerne deste tão esperado O Sabor do Mel, uma mulher, Gerry Fitzgerald, decide enfrentar o passado - e a filha que deu para adoção há vinte e oito anos. Claire Brewster, advogada de sucesso e noiva de um amigo de infância, vê-se extremamente abalada quando, sem aviso, Gerry telefona no dia do Natal e se apresenta como sua mãe. Apesar da discordância angustiada dos pais adotivos e do medo do que possa vir a descobrir, Claire concorda em viajar até Carson Springs - uma jornada que se apresentará também como um processo de autodescoberta. Com a ajuda da grande amiga Kitty Seagrave (sim, a mesma Kitty de A Última Dança), Claire abandona o seu caminho seguro e bem trilhado, aprende a se libertar de crenças antigas e consegue abraçar, ainda que hesitante, sua nova família, assim como dar um passo ousado rumo à carreira de seus sonhos. Mas esse novo caminho mostra-se ainda mais árduo quando outro homem entra na sua vida e ela se vê dividida entre dois amores. Enquanto Gerry se esforça para fomentar um laço tão tênue quanto uma teia de aranha, vê-se ainda às voltas com a realidade de ser uma mãe divorciada, desafio que se torna mais difícil quando a filha adolescente, tão obstinada quanto ela, não demonstra a menor intenção de receber Claire em seu meio.
Esse é o segundo volume da Trilogia Amores Possíveis... no livro passado, "Estranhos no Paraíso", fui apresentada aos moradores de Carson Springs... e o foco da história passou a ser a família de Samantha...
Nesse segundo livro, continuamos a ver o desenrolar das histórias do livro anterior... todavia o foco é colocado sobre a família de Gerry... e isso torna o livro espetacular... nessa série há pelo menos uma dezena de personagens principais e talvez uma centena de personagens secundários... é tanta gente que no começo tive receio de só ficar confusa, mas todos os personagens são inseridos de forma tão natural que é como se nos tornassemos mais um morador da pequena cidade...
Gerry já foi freira, largou o hábito quando engravidou... sem condições, decidiu dar a criança para adoção... os anos se passaram, e ela se casou, teve outros dois filhos... mas a dor da separação daquela primeira criança sempre povou seus pensamentos...
Nesse livro, percebi uma grande diferença na narração em relação ao anterior... como Gerry já foi freira e atualmente é gerente do apiário que funciona no convento, há muitas citações da bíblia e mostra muito da personalidade da personagem...
Os melhores diálogos, na minha opinião, são as conversas entre a Gerry e o padre #gatodacidade (que por sinal é um dos seus melhores amigos), as conversas são tão francas e simples, que foi impossível eu não me encantar...
Claire, a filha que Gerry cedeu para adoção, aceita conhecer a mãe e os irmãos... isso gera um imenso desconforto entre ela e seus pais adotivos e em certo momento começa a repensar sua vida...
Confesso que não simpatizei muito com algumas atitudes da moça, mas creio que o encanto dessa série está justamente em mostrar personagens imperfeitos, com dramas e atitudes imperfeitas...
Um livro muito bonito, mas sei que não irá agradar a todos... a leitura é lenta, tranquila... mas não é um livro maçante... mais uma vez a narrativa me faz lembrar os livros da Rosamulde Pilcher...
Eu recomendo, me apaixonei por Carson Springs e seus moradores...

5 comentários:

Deixe seu comentário