Desejo Rebelde - Julie Garwood

De todos os duques da Inglaterra, Jered Marcus Benton, duque de Bradford, era o mais abastado, o mais atraente ... e o mais arrogante. E, entre todas as damas de Londres, ele escolheu apenas uma para lhe prestar a mais terna obediência: Caroline Richmond.
Nativa do Estado de Boston, nos Estados Unidos, ela era extraordinariamente bela, dona de um passado misterioso e espírito fogoso. Deixou-se atrair pelo poderoso duque, sem se deixar intimidar por sua soberba, com o objetivo de conquistar o coração do rapaz de forma definitiva. Mas Bradford não era homem de se deixar dobrar por mulher alguma, até uma conspiração aproxima-lo tentadoramente de Caroline. A partir daí, unidos contra um inimigo comum, eles descobrem o poder da magnífica atração que os uniu...

Dias atrás, a Sol elogiou bastante esse livro... e como ele estava na minha estante faz um tempão, fui correndo ler... e não é que ele é bom mesmo!!!
Simplesmente amei... ele reune bem todos os elementos que eu adoro em um romance... é histórico, romântico, com cenas quentes, humor, diálogos inteligentes, tem uma mocinha corajosa e que não se dobra fácil e um mocinho autoritário que se derrete pela mocinha...
Caroline é filha de um conde, mas quando era pequena foi despachada pelo pai para viver com a família do seu tio em Boston... agora que cresceu, o pai a quer de volta... ela se ressente de ter sido enviada para outro país e ter sido criada por outras pessoas que não seu pai, todavia há uma boa justificativa pra isso e ela vai aos poucos descobrir o quanto é perigosa a sua permanência na Inglaterra...
Mas antes mesmo de chegar a casa do pai, a jovem se mete em encrenca e acaba conhecendo Jered Marcus Benton, o duque de Bradford... um sujeito arrogante, autoritário que não se dobra e que se acha o dono da razão... enfim, extremamente insuportável... pior que ele só o Clayton de "Whitney, meu amor"... mas conforme a leitura ia progredindo, me vi apaixonada por esse inglês arrogante...
Os personagens secundários também são inesquecíveis... a prima de Caroline é um encanto e a sua história de amor deveria ter um livro a parte... assim como o melhor amigo de Bradford que vive lhe dando alfinetadas...
Enfim, um livro delicioso... impossível não gostar... daqueles que a gente sente saudade antes mesmo de virar a última página...

11 comentários:

Deixe seu comentário