Pode beijar a noiva - Patricia Cabot

Apenas um homem poderia propor a ela casamento... Emma Van Court, dama de uma família londrina, jamais esperava ficar viúva e sem vintém na aldeia escocesa de Faires. E quando uma fortuna lhe foi prometida, se ela tornasse a se casar, a bela professora deparou-se com um mosaico de homens solteiros lutando por suas atenções, desde o pastor local até um detestável barão. Um doce beijo selaria aquele amor... James Marbury, conde de Denham, era moderno e sofisticado... e totalmente desacostumado às estradas lamacentas e aos telhados de palha de Faires, para onde viera depois de saber do falecimento de seu primo Stuart. E sem demora ficou exasperado ao descobrir que seu amor louco e intenso pela viúva Emma continuava tão forte quanto antes. Diante de tantos homens solteiros que a cortejavam, James encontrou uma única solução: oferecer-se como marido temporário para Emma... mesmo que secretamente ele desejasse fazer seus votos durarem para sempre.

Para quem ainda não sabe, Patrícia Cabot é o pseudônimo usado pela aclamada Meg Cabot... e uma das características nos livros assinados como Patrícia são as histórias românticas com cenas bem quentes... um deleite para qualquer fã do gênero... e eu só posso dizer que adoro!!
Todavia, esse não é  o melhor livro da autora, na verdade está bem longe disso... a história é bem simples e leve... é um bom passatempo, mas é difícil ler algo da "diva" e não comparar com outras obras, né??
O livro é cheio de clichês, com uma histórinha deliciosa... o tipo de livro que eu adoro ler num domingo a tarde, ou naquele dia bem preguiçoso como hoje... 
É gostosinho, mas na minha opinião poderia ser muito melhor... a começar pela quantidade de páginas que pelo meu gosto deveria ter pelo menos umas 200 a mais...
A sinopse acima está bem completa então não vou me estender a respeito... mas posso garantir que a autora sabe como ninguém criar um mocinho irresistível... James é tudo de bom... maravilhoso em todos os aspectos e um daqueles mocinhos que não decepciona... e tem uma pegada!!
Já a heroina é adoravelmente atrapalhada e as situações são hilárias...
Enfim, esse é um livrinho delicioso sim... mas pode decepcionar as leitoras mais exigentes e as fãs que podem comparar esse com os demais livros da autora...

7 comentários:

  1. Dos livros pelo pseudônimo Patricia Cabot, só li Aprendendo a Seduzir, e não gostei tanto assim, talvez esse Pode Beijar a Noiva eu nem leia. Prefiro os livros da Meg sem os pseudônimos rsrs

    ResponderExcluir
  2. Parece ser muito fofo esse livro :D Pretendo lê-lo, com certeza ;)
    Ótima resenha!

    bjs
    www.booksemporium.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Owwn, queria muito esse livro! Meg como Patrícia Cabot não escreve obras maravilhooosas, mas cativa do mesmo jeito, especialmente pelas cenas hot e os mocinhos maravilhosos rsrs
    Adorei a resenha!
    Bjs!

    Mikaela
    Pérolas e Pipocas

    ResponderExcluir
  4. Oi, Débora!

    Eu já tinho lido outras resenhas falando que esse livro não se compara a outros da Meg, mesmo assim quero muito lê-lo. Os mocinhos dela são mesmo irresistíveis, e se tem pegada então! *suspiros*

    beijoO

    Livros, Bobagens e Guloseimas!

    ResponderExcluir
  5. Oiii Dé...
    Quanto tempo!?
    Sobre o livro, não sou fã desse gênero da Meg não sabe? Então nem me arrisco para não decepcionar mesmo.

    Beijão e até mais!

    ResponderExcluir
  6. Oie. Gostei muito da resenha. Parece um romance muitooo bom...me interessei muito pelo livro. Vou coloca-lo na minha lista de desejados. bju grande.

    ResponderExcluir
  7. Vc gostou, é? Eu nãi sei, desanimei um pouco, pq ouvi falar que não é muito bom. Uma pena, a pq sinopse parece tão boa! Um tema interessante, que muita gente achou mal aproveitado... :/

    Enfim. Eu ainda tenho curiosidade de ler. Qm sabe um dia...

    ResponderExcluir