Qual seu número? - Karyn Bosnak

Delilah Darling tem quase 30 anos e já se relacionou com 19 rapazes. Sua vida sentimental não tem sido exatamente brilhante, pois todo cara que conhece parece fugir do relacionamento. Quando lê uma matéria no jornal em que a média de homens para uma mulher de 30 anos é de 10,5, fica desesperada e assustada por estar muito acima dela. Além de tudo, o artigo no jornal terminava falando que, se a mulher tivesse o número acima dessa média, seria impossível a pessoa certa. Na tentativa de não aumentar seu número e perder de vez a chance de se casar, Delilah sai à procura de seus antigos namorados e tenta reconquistá-los. Será que um deles estará disposto a esquecer o passado e começar uma linda história de amor? Qual Seu Número? revela os segredos de cada mulher e prova que, quando se trata de assuntos do coração, números são apenas uma fração de tempo.

Eu tenho um fraco por chick-lits, comédias românticas... amo aquelas histórias açucaradas com finais previsíveis mas que deixam a gente suspirando e com um sorriso no rosto... sou romântica, oras!!
Apesar de gostar muito, nos últimos meses li poucos livros e assisti poucos filmes do gênero, isso porque tenho lido cada vez mais livros sobrenaturais (cheios de cenas impróprias para menores) e acho que acabei ficando um tiquinho viciada... mas como sempre é bom variar, passei esse livro na frente de todos os que tenho aqui na pilha e o resultado foi muito bom... 
O livro é um lançamento da editora Novo Conceito e um filme (de mesmo nome) baseado no livro foi lançado agora em outubro, então eu não tinha mais motivos para esperar...

A capa é a mesma do filme e eu já fiquei curiosa para descobrir quem era o personagem do Chris Evans (fofo demais), o livro é narrado em primeira pessoa e no começo tive a impressão que se tratava de um diário (não gosto de livros escritos dessa forma) e por isso torci um pouco o nariz, mas na verdade, o livro é uma mistura de narrativas, bilhetes e tem até transcrições de mensagens deixadas na secretária eletrônica...

Delilah Darling (adorei o nome, me lembrou a Wendy do Peter Pan - Wendy Moira Angela Darling) é uma jovem prestes a completar 30 anos, e de repente parece que tudo começa a desabar em sua cabeça... a irmã mais nova vai se casar e sua mãe insiste em achar que ela está chateada com isso, a empresa que ela trabalha está indo a falência, e o pior, ela descobre uma matéria no jornal que diz que quem já teve mais do que 10,5 envolvimentos amorosos tem grandes chances de nunca encontrar o amor... desesperada ela faz as contas e chega ao terrível número de 19 ex-amantes... e decide não dormir com mais ninguém até encontrar seu príncipe encantado...

A confusão só aumenta quando ela decide descobrir porque errou nos antigos relacionamentos e vai atrás de todos os homens de sua vida, nessa maratona maluca ela cruza o país de carro, ao lado de sua mais nova melhor amiga, Eva Garbo (uma yorkshire linda de 6 meses)...

Delilah é completamente maluca, impulsiva e influenciável... no começo não gostei muito da personagem, mas ela é terrivelmente engraçada e tem um coração enorme... uma pessoa que a gente gostaria de ter como amiga...
Colin demora um pouquinho para aparecer na trama, mas aos poucos vai se tornando um amigo inestimável... ele é descendente de irlândes e uma daquelas pessoas confiantes, que se orgulham muito das suas origens... e isso me conquistou no personagem... sem contar que ele é um gato, gentil e romântico...

No começo não ouve nenhuma identificação com a história, mas conforme Delilah vai relembrando seus antigos amores foi quase impossível não pensar nos meus (afinal são 27 anos de bagagem), daí passei a ver como ela foi corajosa... e otimista...

Para quem espera ver tudo isso em carne osso e representado pelo Chris Evans, já adianto que o filme é muito diferente do livro e que o livro (como na maioria das vezes) é 10 vezes superior e com piadas muito melhores...
Totalmente recomendado para quem quiser dar boas risadas...




8 comentários:

  1. Não sabia do livro. Assisti ao filme na terça. Muito divertido, como todos em que Anna Farris participa. Gostei da mudança de comportamento da personagem do Chris Evans. Os pais da protagonista são fabulosos, principalmente o pai, conectado ao Facebook e ao Twitter.

    Ótima dica de leitura!

    ResponderExcluir
  2. Ei Dé,

    Eu tinha que ler Julieta Imortal antes, mas este está me tentando tanto rsrs.

    Ri muito com o trailer, a parte do ginecologista putz kkkkkkkk. Tbm acho os livros quase sempre melhor ^^
    A exceção é para a L. J. Smith rsrs.

    bjos

    ResponderExcluir
  3. Oi, Dé.

    Sou apaixonada por livros desse gênero. Faz um bom tempo que não leio porque, assim como você, ultimamente estou lendo muitos livros densos e fiquei curiosa para subir este da pilha, porque estou precisando muito de uma comédia romântica e dar boas risadas. \o/

    Adoro o Chris Evans.

    E não sei porque, sempre me decepciono com as adaptações. Sempre prefiro os livros! FATO!

    Adorei sua impressão sobre o mesmo.

    Preciso ler o meu urgente. ^^

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Eu quero ler, já tá na minha lista! :)

    ResponderExcluir
  5. Ah, que coisaaaaaaa! Quero muito ler, mas kd meu kit q não chegaaaaaaaa???

    Socorro, gente!

    Sua me deixou mais ansiosa ainda, Débora!

    Beijinhos e ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
  6. Oi Dé!

    Eu só quero assistir o filme por causa do Chris Evans!

    hahahah

    É um pedaço de mal caminho!

    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Quero muuuito ler esse livro, li várias resenhas sobre e pretendo compra-lo mês que vem *-*

    ResponderExcluir
  8. Eu não ia participar, mas depois de ter lido a resenha, mas agora eu gostei e achei o livro legal. Ultimamente eu só venho lendo livros A queda dum Anjo, A escrava isaura e agora O cortiço, enfim, só to lendo livros do século 19. Eu quero ler livros atuais ou lançamentos, inclusive eu tinha participado já de uma promo aqui no blog mas eu não ganhei, era a jornada. Entretanto, o livro deve ser muito engraçado e divertido, por isso eu gostaria de ganhar, mas isso se eu tiver sorte.

    ResponderExcluir