Presentes da Vida - Emily Giffin

Darcy Rhone sempre teve todos os homens aos seus pés. Tinha um emprego glamouroso, um seleto círculo de amizades e um noivo perfeito, Dexter Thaler. No entanto, tudo mudou quando Darcy se envolveu com o melhor amigo de seu noivo... Seu noivado acabou e perdeu sua melhor amiga, Rachel.

Incapaz de assumir responsabilidades e de enfrentar todo esse mal-estar, Darcy foge para Londres, para a casa de um amigo de infância, imaginando que poderia passar uma borracha em tudo isso. Mas, para seu desânimo, Londres se torna um mundo estranho, onde seus truques de sedução não mais funcionam e onde sua sorte parece ter se evaporado. Sem amigos nem família, Darcy precisa dar novo rumo à sua vida e, assim, começa uma linda trajetória rumo ao crescimento e ao amor.

Qualquer um que tenha lido O Noivo da Minha Melhor Amiga, deve ter sentido uma raiva imensa da Darcy e ficado intrigado sobre o destino da personagem...

Mas eu, sinceramente, tinha as minhas dúvidas se a escritora conseguiria me cativar (novamente) com um livro de uma personagem tão insuportável... uma vez já li a história onde duas irmãs gêmeas eram completamente diferentes e uma roubava o noivo da outra, o primeiro livro (Mulher de Gelo) eu adorei, mas o segundo (Mulher de Fogo) eu não curti, foi impossível simpatizar com a personagem que eu tinha aprendido a detestar... e achei que seria a mesma coisa com esse... mas estava completamente enganada, ouso dizer que gostei mais desse do que do primeiro livro...

No começo do livro a Darcy é completamente insuportável, egocêntrica, egoista... é tudo eu, eu, eu... mas mesmo assim foi impossível largar o livro...

A Emily Giffin é uma das minhas escritoras preferidas, pois ela cria personagens tão reais, tão cheios de defeitos, que é impossível a história não ser crível, não nos identificar ou na pior das hipóteses identificar características "daquela" amiga...

O livro é uma continuação de O Noivo da Minha Melhor Amiga e quem não ler os livros na ordem, perderá muito de entendimento... até porque a Darcy revive vários momentos, mas de forma bastante distorcida, se fazendo de vítima e tal... ela acredita piamente que a culpa de tudo o que está acontecendo é da Rachel, que deixou de ser sua melhor amiga, roubou seu noivo e ainda é mais feia do que ela...

Darcy agora está grávida e sozinha no mundo... pela primeira vez foi largada pelo homem que estava interessada e sem qualquer amigo próximo...  desemparada, ela resolve ir para Londres passar umas semanas com Ethan (o personagem aparece no primeiro livro como o melhor amigo da Rachel) e é lá que a personagem começa a mudar e até que enfim a amadurecer...

Uma das cenas que mais gostei é uma discussão que ela tem com o Ethan, e ele fala poucas e boas para a  Darcy... tudo aquilo que a gente quis falar ao longo dos dois livros...

Darcy leva tantos tombos da vida que é difícil a gente não sentir pena e torcer para que as coisas melhorem... sei que muitos podem pensar que ela procurou por todas as coisas ruins que aconteceram, mas o livro fala justamente sobre segundas chances...

O livro se estende por quase um ano e o romance vai acontecendo de forma muito lenta e tranquila... outra cena ótima é do primeiro ultrassom da personagem, onde ela vai achando que o seu mundo ainda é cor de rosa e sai de lá completamente desorientada...

É super difícil explicar o quanto gostei desse livro, o quanto fiquei empolgada e os muitos suspiros que dei no final... pois qualquer coisa que eu falar além das minhas sensações vai ser spoiler... só posso dizer que adorei o final, o mocinho e principalmente o prólogo que se passa dois anos após todos os acontecimentos do livro...

Esse é um livro que eu indico sem medo de errar, pois é cômico e romântico na medida certa, além de contar uma ótima história de superação e recomeço... e quem leu qualquer livro da autora sabe que só pode vir coisa boa...

Deixo abaixo o Booktrailer do livro, que é bonitinho...



Se quiser ler as primeiras páginas desse livro, clique aqui

16 comentários:

Deixe seu comentário