Príncipe Sombrio - Christine Feehan

Mikhail Dubrinksy é o Príncipe dos Cárpatos, o líder de uma sábia e secreta raça ancestral que vive na noite. Tomado pelo desespero, com medo de nunca encontrar a companheira que iria salvá-lo da escuridão, a alma de Dubrinksy gritava na solidão. Até o dia em que uma bela voz, cheia de luz e amor, chegou a ele, atenuando sua dor e seu anseio. Raven Whitney possui poderes telepáticos e os utiliza na captura dos mais depravados serial-killers. Desde o momento que se conheceram, Raven e Mikhail foram incapazes de resistir ao desejo que faiscava entre eles. Mas forças sombrias tentarão destruir esse frágil amor. E mesmo que sobrevivam, como poderão - cárpato e humano - construir um futuro juntos?

Esse foi um dos livros mais esperados pelas fãs dos Cárpatos e para quem não sabe essa é uma série imensa, com mais de 20 livros publicados no exterior...

Eu também estava bem ansiosa, tinha ele em e-book (traduzido por fãs), mas quis esperar para ler o publicado e só aí tirar minhas conclusões...

Bem, no começo eu confesso que DETESTEI o livro, e isso se deve a vários fatores, dentre eles estão os inúmeros erros de revisão (depois falo mais sobre isso), achei o texto maçante, repetitivo e chato mesmo em muitas passagens... fiquei me achando "A ET", porque todo mundo estava doida pelo bendito e eu detestando...

Conforme a leitura foi evoluindo, comecei a entender melhor a espécie dos Cárpatos e se no começo eu havia achado o Mikhail excessivamente controlador, depois de um tempo comecei a achá-lo um controlador fofo... enfim, quando vi estava caidinha pelo Príncipe...

Uma coisa que eu senti que colaborou para que eu passasse a gostar mais da história, foi uma informação que a Tonks me deu, que essa edição publicada pela Universo dos Livros é na verdade o livro Dark Prince: Author's Cut Special Edition, ou seja, uma versão estendida para fãs... por isso achei o livro meio chato, cansativo... ele possui muita coisa que na edição final publicada no exterior foi tirada para deixar o texto mais "redondo"... depois que fiquei sabendo disso, foi como tirar um peso... parei de criticar e me pus a olhar a obra com outros olhos...

O que pecou, a meu ver, é que a editora é quem tinha que ter informado isso logo de início... assim a gente já começava a ler preparado para o que iria encontrar... quem leu em inglês, falou que o nosso tem muito mais páginas e mais informações... até acho legal a iniciativa da editora, desde que fosse avisado... se bem que nem sei se eles sabiam dessa diferença, mas como tenho várias amigas que são leitoras ávidas e viciadas apaixonadas, posso repassar a informação para vocês...

Agora uma coisa que decepcionou totalmente foi a revisão do livro... uma das piores que já vi... não estou aqui criticando o trabalho da editora como um todo, pois gosto muito dos livros dela, gosto da forma como ela faz os leitores participarem escolhendo títulos e capas dos livros... mas na revisão desse livro ela pecou, estou aqui analisando apenas como uma consumidora que comprou um produto e esse veio com uma série de defeitos... se fosse uma blusa, por exemplo, eu devolveria e exigiria o meu dinheiro de volta... no caso de livros, sinceramente não sei o que fazer...

O fato é que algumas meninas contaram e acharam 53 erros entre problemas gramaticais, grafia errada de palavras, mas o que mais incomodou e chega a atrapalhar um pouco a leitura é a troca dos nomes de personagens... esses erros, todos eu confirmei e estão lá mesmo, não é "conto da carochinha" e eu ainda encontrei mais alguns que elas não citaram...

Abaixo vou transcrever uma informação (devidademente autorizada) citada pela Tonks e que foi publicada nos comentários do Nossos Romances
...Outro problema que truncou o texto foi a questão da revisão e a tradução. Há trocas de personagens, palavras que não existiam nem na versão especial colocadas na narrativa, muitos erros de revisão que associados fizeram o texto não "descer redondo". Alguns blogs fizeram as suas resenhas lendo a versão original e achamos, em conjunto, muitos erros. Erros que alteraram a interpretação do texto.

Vou dar somente dois exemplos:

Página 432, linha 30 - O original “I am sorry for what
Alexander did to you. He is mad with anger and fear for us” virou
"Sinto muito pelo que André fez com você. Ele está louco de fúria e medo por nós".


Página 435, linha 10 - "Mikhail se agarrou ao marido e conseguiu conter um grito enfiando a mão na boca". O texto original é "Moniqueclutched her husband and managed to stifle a scream by jamming a fist in her mouth."

Sinceramente fiquei decepcionada, pois esperamos, às vezes, anos para ler um livro em nossa língua nativa e quando isso acontece, o mínimo que se deseja é que a tradução seja boa e que a revisão esteja de acordo... na verdade esse trabalho é bastante ingrato, pois só lembramos que existem tradutores e revisores quando o trabalho deles está ruim (o que vem acontecendo com muita frequência na maioria das editoras brasileiras)... quando está bom nem lembramos de citá-los...

Eu não me importaria em esperar mais seis meses por um livro de qualidade... mesmo que saia no futuro uma nova edição, o que será feito com quem comprou essa?? Um recall??

O post foi feito intencionalmente desse tamanho para que vocês possam entender perfeitamente que se não gostarem do livro, a culpa não é da autora ou da história... porque elas são boas mesmo (comecei até ler aquele meu e-booK)... o que estragou esse livro, infelizmente, foi a editora.

Sinto muito se joguei um balde de àgua fria em quem estava doida por esse livro, eu ainda indico que leiam, pois como já disse a história é muito boa... e creio que com todos esses alertas vocês vão curtir muito mais do que eu...

12 comentários:

  1. Adorei a sua resenha, pois compartilho do mesmo sentimento. Sou fã da série e fiquei decepcionada. A minha preocupação é que os leitores possam achar que a leitora escreve mal (repetições, frases estranhas, etc) e não é isso.

    Citação:"Eu não me importaria em esperar mais seis meses por um livro de qualidade... mesmo que saia no futuro uma nova edição, o que será feito com quem comprou essa?? Um recall??"

    A Harlequin fez recentemente um recall de livro. Alguns fizeram piada, mas eu apoiei. Quando a gente erra, a saída mais elegante é assumi-lo.

    bjokas

    ResponderExcluir
  2. Oi, querida!
    Li esse livro recentemente e adorei, mas confesso que tb fico muito decepcionada quando encontro tantos erros de revisão.
    Fala-se muito dos autores nacionais que pecam nisso, em suas editoras pequenas, mas se uma editora grande faz isso, imagina se um independente não pode pecar tb...

    Bjs
    Bia
    www.amormisterioesangue.com

    ResponderExcluir
  3. Finalmente tem alguém dizendo a verdade! Estou cansada de ficar me batendo com esses blogs que, com medo de desagradar a editora ou não perder a parceria, fingem que essas dezenas de erros não passam de errinhos. Detesto blog que mente pros leitores.

    Sei que você não é assim. E acho que a editora deveria sim fazer um recall dessa edição, mas pelo jeito não vai ocorrer. Pena. Um livro malfeito é um erro perpetuado na estante.

    Eu preciso pegar esse bendito de novo, pq achei tão ruim que abandonei. Mas estou tão revoltada com essas blogueiras que não falam a verdade e fazem A GENTE (é, eu ajudei a achar alguns desses erros tb) passar por mentirosa. Vai levar tempo, porque esse livro é mesmo maçante, mas eu chego lá.

    Uma pena. A Universo deu uma bola totalmente fora com essa edição...

    bjs!

    ResponderExcluir
  4. Decidi ler o ebook, espero que um dia publiquem uma edição sem erros, mas como não podemos esperar que isso aconteça com certeza, guardo meu dinheiro para outro livro.

    Um pena!

    ResponderExcluir
  5. Dé, excelente post e resenha.
    Fico grata de ter lido todas essas informações aqui. No entanto, é muito triste, como você mesma citou, que nós que esperamos muito tempo para ler um livro em português, recebamos o produto final assim. É de brochar qualquer leitor.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Dé!

    Amei sua resenha! Eu gosto muito desse livro e da série em si, mas se eu fosse começar do zero por esse livro em português, não sei se leria os próximos volumes - ou qualquer outra coisa - dessa autora!

    Sabe que, de tanto ver comentários sobre a revisão, comecei a me perguntar se, talvez, não tenham enviado o arquivo errado para a gráfica? Lembra que no livro do Z fizeram isso e a edição nacional saiu sem o epílogo? É um caso para se investigar mais a fundo.

    Mas com certeza não comprarei outra edição desse livro, mesmo com os problemas corrigidos... Vou dar mais uma chance e comprar o segundo, afinal, adoro a história do Jacques...

    bjs

    Re

    ResponderExcluir
  7. Oi meninas,

    Fico contente que vocês tenham gostado da resenha e que concordam com a minha opinião...

    Regina,
    Também vou comprar o segundo, pois já li ótimos comentários sobre a história do Jacques... Espero sinceramente que a editora tenha mais consideração nesse segundo volume, do contrário vou ler o restante em e-book ou me aventurar no inglês mesmo... o que será uma pena pois adoraria ter a série toda aqui na estante...

    beijos,

    ResponderExcluir
  8. Oi, Dé.

    Adorei sua sinceridade e a forma como você expôs tudo de forma clara e sucinta.

    Como já comentei em outros blogs, fico feliz em saber que não fui a única e que mais pessoas perceberam esses detalhes.

    Eu não conhecia essa série. Só fui conhecer agora, mas infelizmente a edição nacional deixou a desejar no quesito de revisão e tradução. Mas o que me deixou ainda mais chateada é que paguei caro por um produto neste estado.

    Teve momentos que quase abandonei a leitura. Comecei a ler a versão em espanhol (já que não domino muito bem o inglês) e há uma diferença gritante com a versão "Dark Prince", porque é maravilhosa, já que esta foi a versão especial estendida como você explicou muito bem acima.

    E faço das minhas, suas palavras e reforçando as da Tonks: "O problema não é da autora ou do texto original, mas sim da edição nacional."

    Abaixo cito alguns dos ínúmeros erros que encontrei:

    Pág. 168 --> linha 14: "O rosto de Byron estava franzido, confusão estava tomando conta de suas belas feições." (A frase acima está completamente confusa. No original: “Byron was frowning, confusion on his handsome features.” Em uma tradução livre: "Byron tinha o cenho franzido, seu belo rosto expressando confusão.”)

    Pág. 239 --> linha 20: - Você está franca, Raven. Você vai precisar de mais sangue... (Neste caso, é "fraca").

    Pág. 161 --> linha 30: - Você já tem gente suficiente exigindo coisas você (Neste caso, é "exigindo coisas de você" *faltando palavras no meio da frase*)

    Fiquei profundamente decepcionada com os erros de tradução e revisão nesta edição em especial, mas o pior foi a troca de personagens. Sempre relevo alguns erros, mas no caso aqui foram gravíssimos.

    É uma pena, mas torço e espero que isso seja corrigido, porque é uma série que tem tudo para emplacar, já que adorei o enredo, assim como diversos personagens, entre eles: o Jacques e o Gregori. Doida para ler os livros deles.

    Atualmente, isso está muito comum, independente da editora. Estou percebendo que está virando uma epidemia, o que está me deixando traumatizada. Não sei o que está havendo. Sei o quanto é complexo todo o processo editorial, mas isso não se justifica.

    Agora paira a dúvida, como você mesmo disse: "Eu não me importaria em esperar mais seis meses por um livro de qualidade... mesmo que saia no futuro uma nova edição, o que será feito com quem comprou essa?? Um recall??"

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Ei Dé,

    Adorei a resenha ^^

    Eu terminei o livro ontem, ainda nem escrevi meu texto. Eu gostei muito do livro no geral, os erros piores foram estes de troca de nome, outros não me incomodaram tanto. Tbm acho que deviam ter avisado sobre a versão estendida, eu achei várias partes chatas e repetitivas e fica a impressão que a autora que escreve assim.

    bjos
    Nanda

    ResponderExcluir
  10. Pipow,

    Onde tem "leitora" lá no meu comentário trocar por "autora".kkkk

    bjokas

    ResponderExcluir
  11. Parabéns pela resenha Dé! Foi bastante minuciosa e verdadeira! Quem sabe a editora agora tem mais cuidado né!?
    Precisamos mesmo sempre ser sinceras, para ninguém sair prejudicado...

    Beijos
    Lili

    ResponderExcluir
  12. ei Dé,

    eu adoro essa série que é uma das minhas favoritas de romance sobrenatural. Não li a versão brasileira ainda, mas quero ler para conferir as mudanças que teve e que não deixou os fãs satisfeitos.
    Muito chato esse lance dos erros, espero que as editoras - em geral - façam uma boa revisão nos livros.
    =)
    beijos.

    ResponderExcluir