[Wook] O Príncipe Corvo - Elizabeth Hoyt

Edward do Raaf, conde de Swartingham, precisava com urgência de um secretário que organizasse suas caóticas finanças. O problema é que, com seu mau humor, espantava todos os candidatos. Para Anna Wren esse emprego é a solução para seus problemas, depois de enviuvar de um marido infiel e ficar na ruína.
A atração entre ambos fica patente desde o primeiro momento, embora Edward não pareça muito disposto a se deixar levar por ela. Quando Anna descobre que o conde frequenta um conhecido bordel de Londres, decide pôr em ação um plano ousado. Veste-se como uma prostituta mascarada para seduzir Edward. Porque, no jogo da sedução, não existem regras... Ou existem? 


Mais um livro vindo direto de Portugal, que não saiu por aqui e tenho dúvidas se algum dia sairá... quem andou acompanhando o blog regularmente deve ter percebido que estou viciada nesses livros lusitanos e com a carteira um pouco mais leve devido aos fretes e compras em euro...

Esse livro é perfeito para aquelas pessoas que já estão cansadas de mocinhos perfeitos... não que eu tenha algo contra a beleza, mas fala a verdade, não cansa saber que em todo livro os mocinhos serão altos, fortes, musculosos, com ombros largos e quadris estreitos, olhos enigmáticos (que mudam de cor, conforme o humor) e um belo sorriso torto no rosto... ah, isso sem falar nos belíssimos dentes brancos, a moral elevada, a inteligência e o bom humor...
Bem, eu não sei vocês, mas por aqui eu não vejo muitos exemplares com todas essas características... hum, pensando bem... acho que nunca vi nenhum que reunisse TODAS as informações...

Então quando vejo um livro que o mocinho tem marcas de varíola pelo corpo e rosto, e um gênio terrível é impossível já não esperar uma bela história logo de cara... Porque se ele é feio, o amor deve surgir aos poucos, com a convivência, amizade e confiança...

E é justamente o que acontece nesse livro, Edward é genioso como ele só, por isso seus dois últimos secretários simplesmente fugiram durante a noite e agora Anna, uma jovem viuva (que também não é nenhuma beldade) se candidata a vaga... ela precisa muito do emprego, porque seu marido deixou ela e a sogra em péssimas condições financeiras...

Ela é a única pessoa que não se intimida ante o mau humor de Edward, e com isso logo conquista seu respeito... a convivência vai trazendo a intimidade e Anna logo se vê atraída pelo conde e em nenhum momento pensa em suas cicatrizes porque enxerga o homem por trás das marcas, do título e da riqueza...

Edward por sua vez, também começa a se encantar com Anna, que é uma das almas mais bondosas que já conheceu... perdi as contas de quantas vezes ela foi embora achando que tinha sido despedida e ele vai atrás dela bravo por ela não ter aparecido para trabalhar...

A atração entre os dois começa a crescer, mas Edward reluta em aceitar tal fato e numa dessas tentativas de evitá-la ele embarca para Londres afim de visitar um famoso prostíbulo onde espera esquecer Anna nos braços de outra mulher... Mas a nossa protagonista tem outras idéias em mente e... bem, é melhor vocês lerem para saber...

O grande obstáculo para o relacionamento dos dois é que Edward precisa de um herdeiro para o título, até já se comprometeu com uma moça de Londres... e Anna já foi casada durante muitos anos e nunca engravidou, o que leva a crer que é estéril... logo, ele sente que tem uma responsabilidade com o título maior do que seu desejo pessoal...

Ah, o livro é tão encantador que eu tenho vontade de ficar aqui falando dele por muito tempo, mas não posso falar mais do que isso, só posso dizer que o livro me conquistou... e para quem ainda não notou, o livro é para adultos e contém cenas bem quentes... e em vários momentos o conde tem um vocabulário que me fez até corar... mas é também é tão romântico...

Leiam, leiam, leiam...

6 comentários:

  1. Adoro esse livro. Está saindo outro livro da autora lá em Portugal. Pergunta se eu vou comprar. Claaaaro! rsrsrsrs

    bjokas

    ResponderExcluir
  2. Oi Dé!!
    Do jeito que anda, você e a Hérida serão responsáveis pelo meu divórcio, kkkk.
    Não posso comprar nada nesse momento, ainda mais de Portugal.
    Da para parar de fazer resenhas tão deliciosas???
    Fico louca de vontade de ler.
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Oi Dé,
    Eu ainda não tenho esse. Qdo a Tonks resehou eu fiquei curiosa, mas agora eu estou louca por ele. rsrs Eu quero!
    Tbm estou cansada de ver mocinhos perfeitos, essa história parece ser ótima.
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Nossa Dé, fiquei super curiosa com esse livro! Será que tem em ebook? vou pesquisar rs

    Tb estou cansada de ler livros com esses mocinhos tão perfeitos e irreais! Fala sério, né?!
    Concordo com vc!

    Obrigada por compartilhar livros assim bem diferentes!
    Cansada de ver todo mundo falando dos mesmos livros rs E aqui sempre encontro leituras diversas.
    Parabéns!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. oi Deh,
    eu já tinha visto a capa desse livro, mas nunca lido resenha sobre ele.
    Achei bem legal e diferente, gostaria de ler e conhecer esse mocinho imperfeito. rsrs.
    beijos.

    ResponderExcluir
  6. Oi Dé,

    Não conhecia claro, achei a capa bem feinha o que normalmente não acontece nos livros de Portugal.
    Por outro lado adorei a historia, gostei deste mocinho feio, estou cansada dos caras super perfeitos rs.

    bjos

    ResponderExcluir