Garota Metro Sexy - Janet Evanovich


Ela é loira, bonita e adora se vestir de cor-de-rosa. Mas também sabe sujar as mãos de graxa quando se trata de carros e motores envenenados. Misturando aventura ininterrupta com diálogos afiados e personagens tão sedutores quanto divertidos, o livro narra as aventuras de Alexandra Barnaby, mecânica de parar o trânsito, numa Miami ensolarada. Com a química perfeita entre romance e ação, Garota Mestro sexy é o primeiro livro da campeã de vendas Janet Evanovich a chegar no Brasil. A autora norte-americana já vendeu mais de 45 milhões de exemplares e conquistou fãs mundo afora com seus romances policiais incomuns.

Eu já tinha ouvido vários elogios ao livro e muitíssimos elogios a autora, então quando surgiu a oportunidade de ler esse livro não pensei nem duas vezes...

Fiquei um pouco decepcionada... e essa é a minha segunda e creio que última tentativa de ler algo dessa autora, já havia lido "Um dinheiro nada fácil" e não foi aquela paixão... mas esse conseguiu me deixar ainda mais frustrada.

Barney é a protagonista do livro e vive tirando o irmão de enrascadas, dessa vez ele se meteu com um perigoso cubano muito respeitado e temido em Miami... e simplesmente desapareceu do mapa... junto com um piloto da Nascar enfrenta todos os perigos para resgatá-lo... ela é inteligente, bonita e entende mais de motores do que muitos homens... até gostei dela...

Quem não desceu de jeito nenhum foi o mocinho... Sam Hooker é um piloto da Nascar que teve seu barco roubado pelo irmão da Barney... e faz de tudo para ajudá-la a encontrar o irmão e o barco...
Mas ele é muuuuito insuportável... cheio de si, se acha a última bolacha do pacote e quase não sabe falar uma frase que não tenha Nascar no meio...
Dificilmente destesto mocinhos, mas esse foi impossível de gostar...
“Somos caipiras bebedores de cerveja, viciados num rabo de saia e loucos por velocidade. E sabemos atirar.”
Entendam, o livro não é de todo ruim... o problema não é ele sou eu (xi, isso parece papo pra terminar relacionamento...rss). Mas nesse caso é a mais pura verdade, pois sabe quando você vai com muita sede ao pote? Espera "aquele" livro que vai fazer você gargalhar e na verdade o máximo que ele faz é você dar umas risadinhas muito de vez em quando??

Pois é... foi isso... achei o livro muito superficial em todos os aspectos... enredo, personagens, diálogos e romance... tudo muito corrido, muito forçado e muito difícil de se acreditar...

Para uma coisa o livro serviu... eu não sabia que americanos não podem ir para Cuba, podem rir, mas eu não sabia... fiquei sabendo nesse livro... Estão vendo? Mesmo um livro frustante ainda pode ter algo de proveitoso (só não sei onde vou usar essa informação...).

Enfim, o livro é muito fraquinho e eu esperava algo mais forte e até mais adulto... e vocês já leram? O que acharam?

Ah, ele tem continuação... chama-se Pista Perigosa... mas não sei se vou ler...

3 comentários:

  1. Oi, Dé.
    Que peninha que o livro foi frustrante, eu achei que fosse bom. Acho que também não suportaria esse mocinho aí, não. Cruzes!
    Vou deixar passar, afinal tenho tanta coisa para ler.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Ai, Dé, eu também não gostei de Um dinheiro nada fácil, embora esteja ansiosa pelo filme.
    Acho que não tenho coragem para dar uma nova chance a essa autora.
    Ainda mais com essa sua resenha tão desanimada, hahaha

    Bjs
    Bia
    www.amormisterioesangue.com

    ResponderExcluir
  3. Ei Dé,

    Ainda não li nada da autora, mas estou com Um dinheiro nada fácil em casa na fila. Espero gostar, este pelo enredo não fiquei doida para ler, ainda mais com estas informações sobre o mocinho rs.

    bjoo

    ResponderExcluir