A maldição do Tigre - Colleen Houck

Kelsey Hayes perdeu os pais recentemente e precisa arranjar um emprego para custear a faculdade. Contratada por um circo, ela é arrebatada pela principal atração: um lindo tigre branco. Kelsey sente uma forte conexão com o misterioso animal de olhos azuis e, tocada por sua solidão, passa a maior parte do seu tempo livre ao lado dele. O que a jovem órfã ainda não sabe é que seu tigre Ren é na verdade Alagan Dhiren Rajaram, um príncipe indiano que foi amaldiçoado por um mago há mais de 300 anos, e que ela pode ser a única pessoa capaz de ajudá-lo a quebrar esse feitiço. Determinada a devolver a Ren sua humanidade, Kelsey embarca em uma perigosa jornada pela Índia, onde enfrenta forças sombrias, criaturas imortais e mundos místicos, tentando decifrar uma antiga profecia. Ao mesmo tempo, se apaixona perdidamente tanto pelo tigre quanto pelo homem.
Kelsey é uma jovem que acaba de completar 18 anos e que para custear a faculdade arruma emprego por duas semanas em um circo...

Logo ela se vê atraída pelo belo tigre branco e cada vez que olha em seus olhos ela sente que ele é muito solitário... com o passar dos dias ela vai ficando cada dia mais na tenda do tigre e se afeiçoando ao animal...

No final das duas semanas o tigre é vendido e ela é convidada a acompanhá-lo até a reserva onde ele será libertado... a reserva fica na Índia e ela embarca nessa aventura...

Kelsey já havia se apaixonado pelo tigre, mas fica boquiaberta quando descobre que ele é na verdade um homem que há muitos anos foi enfeitiçado... e precisa da sua ajuda para romper a maldição...

O livro me agradou muito, eu também fiquei completamente apaixonada pelo tigre Dhiren e quando ele se torna um homem então... impossível resistir...
A aventura dos dois é ao estilo Indiana Jones, com direito a templos perdidos, frutos proibidos e armadilhas mortais... 

Ren é apaixonante, explosivo, impulsivo e absolutamente encantador... adorei todas essas partes, mas o livro tem uma coisa que me desagradou profundamente... ele tem uma Bella Swan reencarnada, quando acho que ela foi embora, não é que ela volta?!

No final do livro, Kelsey começa a viajar na maionese e começa dar gelo no Ren... ela começa com aqueles dramas adolescentes de que ele é muita areia pro meu caminhão, que daqui há alguns anos ele não vai me querer mais e esse monte de baboseiras... e por isso é melhor nem começar e coisas do tipo (como se alguém tivesse alguma segurança!!).

Me deu vontade de dar uns tabefes na menina que ao invés de aproveitar e dar uns bons amassos, preferiu ficar se martirizando e sendo grosseira com o Ren...

Tirando o melodrama da Kelsey (gente, como adolescente é dramático, né?? Eu fui exatamente assim, credo!!), o livro é ótimo... fala bastante sobre a mitologia indiana e já é o terceiro ou quarto livro que leio sobre o país nesse ano... cada vez mais fico apaixonada pelas cores e sabores...

O livro acaba com promessas de muito mais ação e eu já estou curiosa para ler o próximo... até já comprei e essa semana eu já começo a ler... essas séries matam a gente e levam todo meu dinheiro!!
Ah, já ia me esquecendo de comentar... pensa numa capa linda??? Se não bastasse esse tigre branco de olhos azuis na imagem, a capa tem muito brilho, e a parte de cima é alto relevo... só de ver dá vontade de levar para casa!!!

4 comentários:

Deixe seu comentário