[Sessão Pipoca] Valente

Resenha da Mikaela

Valente é o mais novo filme da Pixar e conta a história da princesa Merida, da Escócia, que vive desafiando a mãe por não querer agir como uma nobre e sim ser uma grande arqueira. O conflito entre as duas chega a um ponto que Merida recorre a uma poção mágica para tentar se livrar dos problemas, mas só faz colocar a mãe em risco e somente um acerto de contas entre as duas pode salvá-la.

Quando eu assisti Valente, esperava algo como batalhas épicas e tal, tudo porque não tinha lido a sinopse. Mas a história é uma lição de humildade e redenção para mãe e filha. Os personagens são muito bem escritos e você consegue ver o lado da rainha e de Merida em cada conflito. A mãe sabe que para manter a paz no reino é preciso saber agir como nobreza e manter a educação, seguindo as tradições, algo que parece bobo mas não é. Além disso, a paz entre reinos era sempre mantida através do casamento, coisa que a princesa não quer de jeito nenhum. E ninguém pode culpá-la, afinal os pretendentes são pavorosos. As confusões da filha podem colocar os clãs escoceses em guerra.

Já Merida quer ser livre, cavalgar, atirar flechas, subir em montanhas e ser feliz... Algo completamente justo. A vida de princesa é sufocante para ela e podemos dar-lhe razão. Só achei que ela foi um pouco imatura em algumas partes, mas compensa com as aventuras do meio pro final. Na verdade, queria mesmo era ver a princesa numa batalha, utilizando o arco e flecha e tudo o mais, mas sempre se pode esperar uma continuação, né? Estou na torcida.

Valente é mais um daqueles filmes com visuais extraordinários e que explora uma cultura ainda não vista na Disney (pelo menos eu nunca tinha visto), a escocesa, com as lindas músicas, o sotaque ( se você for assistir legendado), os cabelos ruivos (o cabelo de Merida é simplesmente um espetáculo à parte de tão bem-feito),os costumes, além das peripécias dos irmãos trigêmeos dela.

Vale super a pena assistir com quem quiser, é uma ótima pedida para o fim-de-semana.

Photobucket

0 comentários:

Deixe seu comentário