Métrica - Colleen Hoover


Resenha da Danielle

Métrica
Título original: Slammed
Autora: Colleen Hoover
Editora: Galera Record
Ano: 2013
O romance de estréia de Colleen Hoover, autora que viria a figurar na lista de best sellers do New York Times, apresenta uma família devastada por uma morte repentina. Após a perda inesperada do pai, Layken, de 18 anos, é obrigada a ser o suporte tanto da mãe quanto do irmão mais novo. Por fora, ela parece resiliente e tenaz; por dentro, entretanto, está perdendo as esperanças. Um rapaz transforma tudo isso: o vizinho de 21 anos, que se identifica com a realidade de Layken e parece entendê-la como ninguém. A atração entre os dois é inevitável, mas talvez o destino não esteja pronto para aceitar esse amor.

Métrica é o primeiro livro de uma trilogia que me deixou ansiosa pela continuação. A capa na minha opinião é simples e linda, mas não vi ligação entre a chave e a trama.  Quem nos conta a história que está dividida em duas partes é a Layken.

Seis meses após a morte do pai, Layken, sua mãe Julia e seu irmão Kel mudam-se Texas para Ypsilant no Michigan. Muito apegada ao pai ela ainda sofre a perda, mas está disposta a superar pela mãe seu irmão de 9 anos. Vocês precisam ler para descobrir o porquê deste nome diferente.

De cara Kel encontra um amiguinho Caulder, os dois brincam com Lake que não percebe estar sendo observada por Will, irmão do Caulder.  A cena é bem engraçada. Quando se encaram a atração surge e três dias depois eles saem juntos. Julia aprova o rapaz, o encontro com Will acaba sendo bem diferente, ele vai com Lake até Detroit para que ela veja uma competição de Slam (disputa com poemas).
“— Lake  —  diz   ele  baixinho,  enquanto  contorna  meu  pulso,  indo  até  os  dedos  com  um movimento fluido. — Não sei o que você tem... mas gosto de você.”
Acontece que na segunda os dois levam um baita choque quando se encontram na escola, e começam os problemas para o casal.

Will tem apenas 21 anos, mas com a morte de seus pais dois anos antes ele tem a responsabilidade de manter a casa e cuidar do pequeno Caulder, e apesar de saber que o sentimento que nutre por Layken é forte, não pode arriscar seu emprego.

Layken para seus 18 anos teve momentos bem infantis que me irritaram. Ela devia ter sido um pouco mais compreensiva. Uma garota responsável também que com a perda do pai tentou ser forte pela família deveria ter aceitado melhor as decisões de Will.

Na escola ela encontra uma melhor amiga maluquinha a Eddie, bem descolada, sem papas na língua, uma verdadeira amiga. E por meio dela Lake se vê num grupo: Gavin, namorado de Eddie e Nick que sente uma certa atração por Layken.

As poesias apresentadas no Slam são fortes e bem emotivas. As cenas entre Will e Lake passam a ter muita tensão.

Um livro jovem que tem personagens com bagagem emocional pesada, que vão encantar você. Eu li tudo num único dia, precisava saber se os dois resolviam o relacionamento.

Ao fim Will nos deixa uma grande lição e só assim abre os olhos de Lake. Mas ele não é sempre certinho, em alguns momentos ele mostra seu lado esquentadinho.

O Kel, irmão da Lake é uma gracinha, tem dias que ele age como o Do Contra da Turma da Mônica, o que para a irmã é o jeito dele de lidar com a falta do pai.

Espero que vocês leiam para descobrir a história de cada um deles, vocês vão rir, ter raiva, e ao menos se emocionar, caso não acabe em lágrimas como eu.

Ah cada início de capítulo tem um trecho de música da banda "The Avett Brothers" que tem relação com os acontecimentos e por coincidência é a banda favorita tanto da Lake quanto do Will. Fiquei bem curiosa e fui pesquisar:

O site da banda caso tenham interesse: http://www.theavettbrothers.com/

Então se você gosta de um romance adolescente, leia e se delicie com o fofo do Will e a durona Layken. Com as várias lições de vida que Will, Julia e Eddie vão dividir com você leitor. Ah e volta para me contar o que achou!

Trilogia Slammed:
    - Métrica (Slammed)
    - Point of retrait  *não publicado no Brasil
    - This girl *não publicado no Brasil

P.s.: Amei tanto o Will que fiquei eufórica ao descobrir que o terceiro livro será sob seu ponto de vista.

P.s.2: Enfim após dois dias pensando em “Por que se chama Métrica?” a ficha caiu. Por conta dos poemas, a métrica dos poemas. Espero que minha conclusão seja útil para alguém. =)

Photobucket

0 comentários:

Deixe seu comentário