Chamas na escuridão – Sadie Matthews


Fire after dark #1, 384 páginas, Companhia Editora Nacional

Essa série provocante vai cativar, envolver e, até mesmo, ‘intoxicar’ a leitora como nenhuma outra. Perfeita para aqueles que amaram 50 Tons de Cinza, mas ficaram querendo mais... A história central se passa em Londres, nos bairros mais badalados dessa encantadora cidade. Mas os protagonistas, Beth - graduada em História da Arte, e Dominic – consultor do mercado financeiro, vão se aventurar também na Croácia, Turquia e NY. Profundamente intensa, romântica, provocante e sensual, essa série vai levar a leitora a um lugar onde o amor e o sexo são liberados de seus limites. Fãs de E.L. James e Sylvia Day vão se manter acordados até tarde da noite com “Chamas na Escuridão”.
Olá leitores (maiores de 18 anos),

Chamas na escuridão foi o primeiro livro erótico que aborda o tema BDSM que consegui ler até o final. Isso por ter uma trama legal como pano de fundo.

Beth é uma jovem do interior da Inglaterra que vai à Londres cuidar do apartamento e do gato da madrinha de seu pai. Recentemente ela terminou o namoro de anos com Adam. 

Acompanhando a garota temos uma bela visão da cidade, pois ela foi poucas vezes e age como turista. Tenho fascínio pela cidade e cada ponto mostrado me agradou.

Para alegria de Beth, seu vizinho de frente é lindo e ela adota a mania de espiá-lo no escuro. Isso até que o destino lhe dá uma ajudinha. Ela adora divagar em pensamentos que na maioria das vezes são bem espirituosos e engraçados.

Dominic é atlético, está sempre bem arrumado, bem educado, logo de cara ele simpatiza com a Beth, que não faz ideia das preferências do rapaz.

Eles acabam tendo alguns encontros bem leves, românticos e os momentos entre os dois são de tirar o fôlego. Mas Dominic sabe que não conseguirá deixar suas predileções de lado por muito tempo e acaba abrindo o jogo. Beth está apaixonada e aceita ser sua escrava.

Mas o livro não fica apenas nisso. Beth consegue um emprego numa galeria de arte e um novo amigo, o James, que é também seu chefe. Pensem num personagem maravilhoso? Ele é gay, espirituoso e age como um pai para a Beth. Quando ela conta o segredo de Dominic ele aconselha que se afaste.

Beth é uma mocinha interessante, ela é insegura algumas vezes, mas sabe ser ousada, e gosta de dar uma de stalker seguindo o Dominic na surdina. Numa dessas ela entra num lugar que acaba lhe deixando chocada.

E vale ressaltar que o Dominic é um dominador por "vocação", ele não sofreu nenhum trauma, ele foi apresentado a prática e gostou da ideia. É bem legal acompanhar a narrativa dele sobre a descoberta da escuridão que existe nele. 

Posso garantir que o final nos deixa com um gostinho de quero mais. O que está esperando para conferir se Beth e Dominic conseguirão se ajustar? 

Adianto que vai acontecer uma coisa que abalará o relacionamento. É algo que nos faz refletir bastante.

Sadie Matthews nos presenteia com uma trama com tiradas de humor, cenas fofas, personagens bem construídos, e não deixa a desejar nas cenas calientes.

A Companhia Editora Nacional está de parabéns pela revisão e a arte é linda com Poá no verso da folha inicial de cada capítulo. E lindos detalhes no estilo fita de cetim com laço. Vale muito a pena observar.

Ao final temos uma prévia do segundo volume, só para atiçar nossa curiosidade ainda mais.

Eu realmente gostei bastante dessa trilogia (apesar de não entender o motivo de garotas que gostam de apanhar). E vocês? Gostam do gênero?


Trilogia After Dark:

1. Chamas na escuridão
2. Segredos na escuridão
3. Promessas na escuridão

Nota (0-5): 3

Participe:
http://www.leituranossa.com.br/2013/11/top-comentarista-novembro2013.html

7 comentários:

Deixe seu comentário