A Lista do Nunca - Koethi Zan

 
 The never list, Koethi Zan, 272 páginas, Paralela

Quando a ficção é tão assustadora quanto a realidade.

Depois de um acidente de carro que sofreram quando ainda tinham dez anos, Sarah e Jennifer, amigas inseparáveis, passaram anos escrevendo o que chamaram de Lista do Nunca: uma lista de ações e atitudes que deveriam ser evitadas, a qualquer custo, para que se mantivessem sãs e salvas. Numa noite, no entanto, ao entrarem em um táxi, o destino das duas garotas as levou a um lugar que certamente não considerariam nem um pouco seguro. Sequestradas por um homem frio e adepto do sadismo, elas ficam acorrentadas em um porão com mais duas garotas por três anos. Dez anos depois de conseguir fugir, Sarah ainda tenta levar uma vida normal. Seu contato com pessoas se limita ao porteiro que diariamente entrega o que ela precisa para sobreviver e à sua psicóloga, que tenta ajudá-la a enfrentar cada novo dia. Seu sequestrador, porém, está prestes a conseguir uma condicional e, mais do que preparar um belo discurso de vítima, Sarah sente que este é o momento de agir. Para isso, vai enfrentar seus terríveis traumas em busca de uma história que nunca fora revelada.

 Oi galerinha,

Pensem num livro que te faz prender o fôlego? A lista do nunca é uma resposta acertada, pensei mesmo que acabaria tendo uma parada respiratória de tanto que prendi a respiração diante dos acontecimentos deste livro.

A capa brasileira tem uma lista impressa e achei bem interessante e tem muita relação com a trama.

Após o acidente de carro as duas amigas, Sarah e Jennifer, passam o tempo no hospital criando uma lista e analisando estatísticas sobre tudo de ruim que podem imaginar. 

"Para nós, não existia essa coisa chamada destino. Destino era uma palavra que as pessoas usavam quando não estavam preparadas, quando eram negligentes, quando paravam de prestar atenção. Destino era uma muleta para os fracos."

Aos dezoito anos quando vão para a universidade elas tornam seu dormitório o mais seguro possível, mas numa noite após uma festa elas acabam cometendo um erro e quando acordam estão acorrentadas num porão escuro com mais duas garotas.

Quem nos conta a história é Sarah, ou Caroline como é conhecida agora, dez anos depois que conseguiu escapar. Além de marcas físicas ela saiu com traumas psicológicos fortes e difíceis de lidar: não sai mais do apartamento, trabalha em casa, a comida que pede por telefone é entregue apenas pelo porteiro. Até mesmo as consultas com a dra. Simmons é feita em seu apartamento.

Mas a carta de seu sequestrador entregue por Jim McCordy, agente do FBI responsável pela captura de Jack Derber acaba lhe tirando do estado de inércia. Receando que ele consiga escapar numa condicional ela decide investigar por conta própria e quem sabe assim encontrar o corpo de Jennifer para provar que ele tem mais um crime em sua lista.

Sarah não consegue deixar sua mania de segurança e nem sua lista para essa tarefa, mas é extremamente interessante acompanhar a luta dela para vencer seus traumas e conseguir resultados. Jim não concorda que ela se meta numa investigação, mas está contente por vê-la sair da toca.  Aos poucos ela consegue informações que lhe indicam estar no caminho certo e acaba procurando suas duas companheiras de porão: Tracy e Christine. Nenhuma delas quer relembrar os horrores que viveram dez anos atrás, mas o lado jornalista de Tracy é um ponto para Sarah.

O livro é bem intenso, tanto pelos relatos de tortura como pelas cenas de suspense que me deixaram mega nervosa. Aos poucos vamos descobrindo detalhes da vida das sobreviventes antes do sequestro e depois de libertas.  E da forma colocada passado e presente se intercalam de maneira esclarecedora sem causar confusão.

A trama é repleta de reviravoltas, quando pensamos que está tudo bem, a cena seguinte nos faz prender a respiração e esperar o pior. É uma daquelas leituras que você acaba desconfiando de várias pessoas, mas só tem certeza quando a autora assim deseja. E só posso dizer que a revelação final é surpreendente, se bem que eu desconfiei um pouco, mas pensei que estava louca.

Recomendo a leitura para quem gosta de um bom suspense onde a protagonista supera seus medos e é de grande importância para atar as pontas soltas. Não darei a nota máxima porque eu queria um pouco mais, quando você ler vai entender.

Capa americana:


Nota (0-5): 4,5
 

9 comentários:

  1. Caramba adorei!!! Que enredo diferente!!! Vai para a listinha!!!

    http://conversandodragoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ai, Dani, esse livro deve ser de dar arrepio! Eu gosto de suspense, mas esse parece tão intenso e sofrido que me dá medo. Será que eu consigo ler?

    Um beijo

    ResponderExcluir
  3. Kate
    É um enredo bem eletrizante, foi maravilhoso acompanhar esta trama.
    Obrigada pelo comentário.

    Miriam
    Ele é forte sim, mas nada detalhado em excesso sabe? Sem apelação.
    Eu acredito que você deve conseguir sim. Ele é uma espécie de Tess Gerritsen sem as descrições de embrulhar o estômago.
    Obrigada por sua visita!!! =)

    ResponderExcluir
  4. Oi Dani!
    Menina, desde que comentou sobre o livro, fiquei com vontade de ler. Preciso colocar aqui no Kobo para começar a leitura \o/
    Bjks!

    ResponderExcluir
  5. Olá
    nossa, não sabia que o livro tinha tanto suspense. Ele está na minha meta de janeiro, e espero curtir a leitura como você curtiu.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  6. Carla
    Ah que alegria quando o feitiço vira contra o feiticeiro. Normalmente é você que me deixa louca de curiosidade!!! =)
    Espero que leia logo e goste tanto quanto eu!!!
    Obrigada pelo comentário. =)

    Jacqueline Braga
    O suspense vem numa dose certa para causar curiosidade e nervosismo. =)
    Espero que você goste da leitura.
    Obrigada por comentar!!!

    ResponderExcluir
  7. Hum... fiquei bem curiosa... principalmente com esse final, que você ficou desconfiada mas achou que estava louca...kkkk

    beijos,

    ResponderExcluir

  8. Ah com certeza a danada da revelação foi quase uma paulada, e olha que eu estava suspeitando, se quem ler não suspeitar vai ser nocaute na certa!!!
    Espero que possas conferir!!!

    ResponderExcluir
  9. A proposta desse livro é muito interessante, não conhecia ele até pouco tempo atrás. A vontade de lê-lo só cresce!
    Bjs

    ResponderExcluir