O começo de tudo - Robyn Schneider

O começo de tudo
Título original: Severed heads, broken hearts
Editora Novo Conceito
288 páginas

O garoto de ouro Ezra Faulkner acredita que todo mundo tem uma tragédia esperando ali na esquina – um encontro fatal depois do qual tudo o que realmente importa vai acontecer. Sua tragédia particular esperou até que ele estivesse preparado para perder tudo de uma vez: em uma noite espetacular, um motorista imprudente acabou com a perna de Ezra, com sua carreira no esporte e com sua vida social.

Depois que perdeu o favoritismo ao posto de rei do baile, Ezra agora almoça na mesa dos losers, onde conhece Cassidy Thorpe. Cassidy é diferente de qualquer pessoa que Ezra tenha encontrado antes – melancólica e com uma inteligência mordaz.

Juntos, Ezra e Cassidy descobrem flash mobs, tesouros enterrados e um poodle que talvez seja a reencarnação do Grande Gatsby. À medida que Ezra mergulha nos novos estudos, nas novas amizades e no novo amor, aprende que algumas pessoas, assim como os livros, são difíceis de interpretar. Agora, ele precisa considerar: se uma tragédia já o atingiu, o que poderá acontecer se houver mais infortúnios?

O Começo de Tudo é um livro poético, inteligente e de cortar o coração sobre a dificuldade de ser o que as pessoas esperam, e sobre começos que podem nascer de finais trágicos.

O começo de tudo foi uma agradável surpresa, esperava um drama e me peguei rindo com várias cenas. Ele foi além das minhas expectativas.

A capa é linda e tem relação com a trama, a edição está maravilhosa, pois não encontrei erros, a fonte tem bom tamanho, a arte no início dos capítulos é simples, mas faz diferença. 


A primeira página caprichada em sua simplicidade. =)

Citações de F. Scott Fitzgerald e Ernest Hemingway

Agora vamos à trama.

Ezra é o narrador e conta aos poucos como ele era antes do acidente para compreendermos o momento pelo qual está passando agora. Depois do acidente na montanha russa a vida de Ezra e seu melhor amigo Toby muda drasticamente. Ezra torna-se popular e com isso se afasta de Toby. Porém uma grande mudança acontece quando ele retoma as aulas após o acidente de carro que acabou com sua carreira de tenista. 

Ezra agora está na classe de "Discurso e debate" e assim retoma a convivência com seu melhor amigo e sua turma de nerds: Toby, que deixou de ser gordinho e domina bem a fala, sendo ótimo em discursos; Phoebe, que todos acham ter uma queda por Ezra; Luke, que é o líder do cineclube e antipatiza com Ezra; Austin, que adora jogos e sempre que aparece está agarrado com um.

Cassidy Thorpe é a novata que se veste fora dos padrões de moda, chama atenção também por seus cabelos ruivos. Ela é um mistério, e acaba sendo a mola que impulsiona Ezra durante a trama.

A narrativa da Robyn Schneider foi bem fácil e rápida, me peguei super curiosa para descobrir o desenrolar, apesar de ter desconfiado de um certo mistério da trama, o que me deixou mega feliz e não atrapalhou em nada.

Ezra adotou a posição de coitado, quer ficar invisível, porém retomar a amizade com Toby e manter contato com a turma, além da maluquinha Cassidy o transforma, e é muito gostoso acompanhar essa mudança de comportamento.

Um livro que fala de superação, de sentimentos atribulados, de amizades sinceras e de como devemos parar um pouco e analisar nossos objetivos e atitudes.

A autora cita várias bandas e livros, além de O grande Gatsby, faz uma brincadeira com Crepúsculo que é motivo de piada entre os nerds que comparam o Ezra com um vampiro.

"(...) - Que tal a vida de vampiro adolescente? - (...) - Fala sério - Phoebe continuou - Você estava pedindo essa. Pálido, de roupa preta, sem almoço e com esse jeito fechadão. É muito engraçado. Você devia passar um brilho no corpo e sair atrás de alguma novata ingênua."

Não posso esquecer de Cooper, um poodle de dezesseis anos que parece falar com o Ezra e ganhou minha simpatia.  

Sabe o título original (Severed Heads, Broken Hearts)? Ele tem tudoooo a ver com a trama, mas fico feliz que a Novo Conceito tenha alterado o título nacional.

Recomendo a leitura, pois esta turma de adolescentes vai encantar você e quem sabe causar alguns momentos de reflexão?!

Curiosidade: O livro foi publicado inicialmente com o título "Severed Heads, Broken Hearts" na capa, porém numa segunda edição passou a usar o título de capa "The Beginning of Everything" (e assim compreendi a escolha da NC)

           












Nota (0-5): 3.5







Post Premiado Abril

3 comentários:

  1. Oiee!
    Ah, esse livro tem as duas que eu mais gosto em livros: superação e amizades.
    Esses livros que tratam dessa época escolar tem que fazer algum sentido pra mim! Amei a Cassidy só pela resenha, adoro personagens com esse tipo de humor. E ainda por cima tem um cachorro lindíssimo (que parece ser o máximo) ? Entrou pra lista já!
    Já vou encomendar o meu *-*
    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Oi Solange
    O Ezra tem que aprender a superar e conta com ótimos personagens para isso.
    A Cassidy é um mistério ambulante e de humor singular.
    O Cooper é uma fofura e dá para imaginar cada trejeito que o Ezra identifica nele.
    Boa leitura.

    Obrigada!!! =)

    ResponderExcluir
  3. Eu ainda não tinha lido nada sobre esse livro, mas achei interessante a trama, principalmente pela autora focar na superação dos personagens. Gosto bastante de livro assim que nos ensinam e nos trazem lições durante a leitura!! Com certeza vou querer ler!!
    Beijos!

    ResponderExcluir