[Resenha do Léo] Teardrop - Lágrima - Lauren Kate

Nome do livro: Lágrima
Nome Original: Teardrop
Lançamento: 2013
Editora: Galera Record
Páginas: 336
Sinopse: Depois de perder a mãe em um acidente no mar, Eureka acha que nunca mais voltará a sorrir. E a promessa que fez à mãe – a de nunca mais chorar – se torna quase impossível… até conhecer Ander. Louro, alto e de pele muito branca, o rapaz parece estar em todos os lugares e saber coisas que não deveria sobre Eureka. Inclusive um estranho segredo relacionado às suas lágrimas e aos três artefatos que herdou da mãe: uma carta, uma pedra e um misterioso livro que conta a história de uma menina com o coração partido. Ela chorou tanto que deixou debaixo d´água um continente inteiro. Logo Eureka vai descobrir que a antiga lenda é mais que uma história, que Ander pode estar dizendo a verdade e que sua vida pode ter um curso mais sombrio do que ela imaginou.


Lauren Kate, mesma autora da série Fallen, publicou o primeiro volume da série Teardrop. Lágrima é um livro extremamente cativante, nos deixando ávidos pela história a cada página. Eureka, a protagonista, com seu jeito doce e destemido faz com que tenhamos muitos friozinhos na barriga e várias arfadas quando ela faz alguma besteira.

Eureka estava com sua mãe, Diana, quando um acidente terrível e inacreditável aconteceu. O carro em que estavam foi completamente consumido por uma enorme onda enquanto o veículo atravessava uma ponte. Eureka foi salva milagrosamente, porém Diana não teve a mesma sorte.

Durante toda sua vida, Eureka sempre foi instruída por sua mãe a não chorar. Sem saber o motivo, ela sempre foi forte o bastante para aguentar quaisquer lágrimas. Então mesmo com a morte da sua própria mãe, ela persiste.

“ Diana olhou a filha como se não soubesse quem ela era. Depois a palma de sua mão voou para trás e ela bateu em Eureka, com força. Eureka paralisou no meio do gemido, pasma demais para se mexer ou respirar. Toda a casa parecia reverberar, ecoando o tapa. Diana se curvou para mais perto. Seus olhos se cravaram nos da filha. Ela falou no tom mais grave que Eureka ouviu na vida:  – Nunca, jamais volte a chorar. ”

Eureka foi morar com o pai e com sua madrasta – Rhoda –, que a enviou para fazer tratamento psicológico por achar que ela estava ficando depressiva. E a partir de então, tudo começa a ficar complicado para Eureka. Ela descobre que sua mãe deixou uma herança bem estranha para ela: um aerólito, um medalhão e um livro.

No começo do livro não tem como não ficar super ansioso para saber o motivo dela não poder chorar e o significado das coisas que ela herdou da mãe. E a cada capitulo eu tinha a expectativa de que Lauren revelaria tudo. O que certamente deixou o livro mais empolgante.

Há no enredo outros personagens que são também apaixonantes, como o Brooks e a Cat, que são os melhores amigos de Eureka, e Ander que é um rapaz muito misterioso e acaba nos deixando na dúvida se ele realmente é um dos bonzinhos ou não.

“ Ela era a vida dele. Ele tinha que matá-la. ”

Antes de ler Lágrima, descobrir que as opiniões sobre ele estavam dividas. Muitos falavam que do começo até a metade do livro era muito tedioso e outros falavam que a trama foi bem armada. Bom, eu digo que o livro foi bem escrito, tem uma história original e me fez ficar triste por não ter o volume dois publicado, ainda.

Lauren Kate revelou que a série será uma duologia e que o volume dois será publicado nos EUA em 28 de outubro de 2014, sendo que no Brasil ainda não revelaram uma data para o lançamento.

Capa para o próximo volume:




Classificação (0 a 5): 5



 

http://www.leituranossa.com.br/2014/06/post-premiado-de-junho.html-

4 comentários:

Deixe seu comentário