Seis anos depois - Harlan Coben

Seis anos depois
Autor: Harlan Coben
Título original: Six years
Editora Arqueiro
Ano 2014
272 páginas


Jake Fisher e Natalie Avery se conheceram no verão. Eles estavam em retiros diferentes, porém próximos um do outro. O dele era para escritores; o dela, para artistas. Eles se apaixonaram e, juntos, viveram os melhores meses de suas vidas. E foi por isso que Jake não entendeu quando Natalie decidiu romper com ele e se casar com Todd, um ex-namorado. No dia do casamento, ela pediu a Jake que os deixasse em paz e nunca mais voltasse a procurá-la.
Jake tentou esconder seu coração partido dedicando-se integralmente à carreira de professor universitário e assim manteve sua promessa... durante seis anos. Ao ver o obituário de Todd, Jake não resiste e resolve se reaproximar de Natalie. No enterro, em vez de sua amada, encontra uma viúva diferente e logo descobre que o casamento de Natalie e Todd não passou de uma farsa. Agora ele está decidido a ir atrás dela, esteja onde estiver, mas não imagina os perigos que envolvem procurar uma pessoa que não quer ser encontrada. Em Seis Anos Depois Harlan Coben usa todo o seu talento para criar uma trama sensacional sobre um amor perdido e os segredos que ele esconde.

Em uma palavra? Eletrizante.

Jake Fisher é um pacato professor universitário de trinta e cinco anos, segue as regras com afinco, é um professor acessível aos alunos sem dar muita intimidade, mas um obituário vai mudar seu modo de agir e pensar. O autor o descreve com características de lenhador e acaba incutindo a imagem na nossa mente, camisas xadrez, os cabelos cacheados. Um perfil que em nada lembra um professor de ciências políticas.

Natalie Avery é uma jovem artista que partiu o coração de Jake após meses de relacionamento, inesperadamente ela casou com Todd Sanderson, sabendo que Jake iria conferir com seus próprios olhos, ela o fez prometer após a cerimônia que os deixaria em paz. Uma promessa que ele manteve até descobrir que ela está viúva.

O que Jake e nós não sabemos é que o obituário vai dar início a uma busca por uma pessoa que aparentemente desapareceu, ou melhor, que nunca existiu. Natalie seria fruto da imaginação dele? Certo de que está são, Jake inicia por conta própria uma investigação, e vai acabar encontrando muitos esqueletos no armário a cada passo que dá.

Adoro a escrita do Coben, cada descoberta nos leva numa direção e muitas vezes acabamos numa bifurcação e confusos sobre o caminho a seguir.

Jake não tem experiência como detetive, mas consegue se sair muito bem, bem demais para os que querem que tudo fique esquecido. Mas quem são "eles"? 

Esta é uma questão que nos mantêm grudados no livro querendo desvendar tudo. Quem é Natalie, quem matou Todd, com o quê ou quem estão envolvidos?

A calmaria de Jake vai para o brejo e nos enche de ansiedade e muita adrenalina. Os personagens secundários são muito bem descritos e ajudam bastante a embaralhar nossas ideias e nos manter no escuro e na dúvida por boa parte da leitura. Um destaque especial para Benedict e seus métodos de sedução.

Seis anos depois é repleto de ação, suspense e muito mistério. Numa trama aonde ninguém é exatamente quem diz ser, Harlan Coben consegue nos manter atentos até o ponto final do livro. 

Nota (0-5): 4,5





Participe

8 comentários:

Deixe seu comentário