[Sessão Pipoca] Meia Noite em Paris

Gil (Owen Wilson) é um escritor e roteirista americano que vai com a noiva Inez e a família dela à Paris, cidade que idolatra. Ele realiza vários passeios noturnos e sozinho, quando descobre que, surpreendentemente, ao badalar da meia-noite, é transportado para a Paris de 1920, época e lugar que considera os melhores de todos. Nessas "viagens", Gil vai a várias festas onde conhece inúmeros intelectuais e artistas que admira e que frequentavam a cidade-luz naquela época: F. Scott Fitzgerald, Gertrude Stein, Ernest Hemingway, Salvador Dali dentre outros. Até que tenta acabar o seu romance com Inez, pois se apaixonou por Adriana (Marion Cotillard), uma bela moça do passado, e é forçado a confrontar a ilusão de que uma vida diferente (a "época de ouro" francesa) é melhor do que a atualidade.

O filme foi escrito e dirigido por Woody Allen e tenho que confessar que esse foi o primeiro filme que assisti do diretor...

É um filme obrigatório para quem gosta ou deseja visitar Paris, ele mostra a cidade de uma forma linda, mas também capricha no figurinho, fotografia e trilha sonora...

Owen Wilson está ótimo no papel e gostei muito de assisti-lo em um personagem mais sério... ele é o protagonista da história, é um prestigiado roteirista de Hollywood que sonha em se mudar para Paris e se tornar escritor... seu sonho em nada tem haver com sua sofisticada noiva, que não vê a hora de morarem em uma mansão em Malibu...

Uma noite, após uma degustação de vinhos, Gil (Owen Wilson) resolve voltar a pé para seu hotel, acaba se perdendo e após a meia noite é transportado para os anos 20... lá conhece personalidades importantes da época...

E noite após noite ele viaja no tempo para se divertir com pessoas que não existem mais... desenvolve uma amizade com Ernest Hemingway que o apresenta a Gertrude Stein... ela por sua vez aceita ler o livro que Gil está escrevendo, o que reacende a chama criativa de Gil...

A viagem do tempo é encarada de forma bastante natural, como se para mostrar o fato de que Paris é mágica... os figurinos da época e caracterização do elenco ficaram ótimos, impossível a gente também não sonhar em visitar Paris de várias épocas...

Curiosidades*:
- Meia Noite em Paris foi inteiramente rodado na França. Woody Allen já tinha tentado rodar antes em Paris, em 2006, mas desistiu da ideia na época devido aos altos custos de produção.
- Quando o nome de Owen Wilson surgiu para protagonizar a trama, Allen teve de reescrever o papel para se adequar perfeitamente ao ator.
- Wilson e Allen só foram se conhecer pessoalmente na França, quando o filme começou a ser rodado.
- Rachel McAdams deu vida a Inez, a noiva exigente e impaciente do escritor Gil. O diretor declarou que pensou na atriz enquanto ainda escrevia o roteiro do filme. Quando Woody Allen apresentou o papel para Rachel, disse: “Seria muito interessante para você interpretar esse tipo de personagem. Você não quer passar a vida inteira interpretando essas garotas bonitinhas. Você quer algo mais ousado. Será muito interessante.”
- Quando estava montando o elenco para o filme, Woody Allen sabia que iria precisar de uma atriz francesa para o papel de Adriana. Sua primeira opção foi Marion Cotillard. Allen foi até a casa de Marion para convidá-la para o papel e eles conversaram por mais de uma hora. Quando a conversa terminou a atriz ainda em estado de surpresa declarou "Oh, meu Deus! Eu falei com Woody Allen! Aquela era a voz do Woody Allen".
- Woody Allen ficou no Hotel Le Bristol durante as filmagens do longa, o mesmo onde os personagens Inês e Gil se hospedaram.
- Meia Noite em Paris marca a estreia da ex primeira dama francesa Carla Bruni como atriz no cinema. Durante o início das filmagens, várias publicações chegaram a dar como certa a demissão de Bruni devido a dificuldades nos bastidores, já que ela queria repetir cenas por preciosismo, o que teria irritado o diretor.

Prêmios
GLOBO DE OURO - 2012
Indicações - Melhor Filme - Comédia/Musical
Indicações - Melhor Diretor - Woody Allen
Indicações - Melhor Ator - Comédia/Musical - Owen Wilson
Indicações - Melhor Roteiro

SAG AWARDS - 2012
Indicação - Melhor Elenco

INDEPENDENT SPIRIT AWARDS - 2012
Indicação - Melhor Ator Coadjuvante - Corey Stoll

* fonte: http://www.adorocinema.com/

Photobucket

3 comentários:

  1. Oi Dé,
    Dos filmes que vi desse diretor, foi o único que prestou, na minha opinião. kkkk
    O Owen está maravilhoso no papel, o figurino perfeito, dá para embarcar na "viagem" sem dificuldade alguma. E a questão da viagem no tempo de maneira tão simples me encantou.

    ResponderExcluir
  2. Eu vi este filme, e gostei. Não sabia das curiosidades.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir