Saiba o que esperar de O Bom Dinossauro



E se o asteroide que mudou para sempre a vida na Terra não tivesse atingido o planeta e os dinossauros nunca tivessem sido extintos, como seria a relação entre dinossauros e humanos? A Disney·Pixar leva você para uma aventura nada jurássica, onde a dupla de amigos improváveis, Arlo e Spot, irá vivenciar uma historia de ação e humor.


Crescemos acreditando que um grande asteroide colidiu com a Terra e extinguiu os dinossauros, na nova animação da Pixar, essa história é recontada... E se ao invés de colidir com a Terra, o asteroide tivesse passado reto, e se a Terra ainda fosse domínio dos dinossauros...

Arlo é um dinossauro, filho caçula de uma família de fazendeiros e muito medroso... o tempo não é definido, mas nos lembra antigas fazendas do interior, a família de Arlo não conta com grandes recursos tecnológicos e nem financeiros, mas é necessário a ajuda de todos para que possam garantir a colheita... nesse ponto, Arlo não é de muita ajuda, pois é medroso demais e pequeno em comparação com os demais...

Seu pai quer lhe ensinar a superar seus medos, mas digamos que a aula não sai da maneira pretendida...

O filme retrata uma história de superação, dor, perda e uma busca pelo autoconhecimento... Ao longo do filme Arlo faz amizade com um humano que atende pelo nome de Spot, nós, os humanos, somos retratados apenas como uma espécie de animal de estimação dos dinossauros...

Os cenários desse filme são belíssimos e em 3D não parecem desenhos tamanha a perfeição, o contraste com os dinossauros é grande, creio que propositalmente, até para evidenciar a perfeição do cenário, os personagens são desenhados de forma bem infantil... particularmente eu não gostei, prefiro quando há um equilíbrio entre as partes, dessa forma me deu sempre a impressão que terminaram o filme com personagens ainda em rascunho...

Tenho assistido todas as animações da Pixar nos últimos anos, e elas sempre me surpreenderam positivamente, como O bom dinossauro já havia estreado nos EUA, confesso que já fui meio receosa ao cinema, tendo em vista que o filme tem fracassado em bilheteria por lá...

Fui receosa ao cinema, mas de mente aberta e sem grandes expectativas... e o filme é muito bonito com final feliz e tal... mas uma coisa que me incomodou muito é que é um filme extremamente triste, para mim faltou duas coisas: um personagem cômico marcante, aquele que coloca uma pitada de humor em todas as cenas, como o Olaf, de Frozen por exemplo, e alguns minutos a mais no final... isso porque boa parte do filme, narra a dificuldade de Arlo em voltar para casa e essa jornada tem muita tristeza e superação... aí quando ele chega, puf, acabou o filme... e eu fiquei com aquela coisinha ruim no coração... aquela tristezinha persistente...

Faltou mostrar que ele foi feliz na volta pra casa, me fez lembrar inclusive aquele filme do Will Smith, "A procura da felicidade", que para mim, é um dos filmes mais depressivos que existe... ok, no final fica tudo bem, mas não mostra e eu fico só com as tragédias na lembrança..

Bem, todos esses pontos não me fazem pensar em O bom dinossauro como um filme infantil, e me fez comparar a dose de sofrimento, tristeza e superação com outros filmes, como O Rei Leão, onde Simba e Arlo tem perdas semelhantes, precisam encontrar seus caminhos para casa sozinhos, mas o primeiro tem uma leveza e um bom humor que o tornam um filme infantil (mas que conquistou muitos adultos), já O bom dinossauro não tem grandes piadas e nem cenas cômicas... o que é uma pena e um desperdício de recursos...

Se eu recomendo assistir?? Sim, mas não levem as crianças...  


Photobucket
Não deixe de participar do nosso top comentarista do mês

4 comentários:

  1. Oi, adorei o seu post e tô muito ansioso pra assistir esse filme, adoro animações e essa parece que vai me prender do começo ao filme.

    lerparaesclarecer.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Vou com certeza assistir. Há uns dois anos eu comecei a pesquisar sobre os dinossauros, acho um assunto muito interessante e que deve ser bem analisado.

    ResponderExcluir
  3. Adoro dinossauros, espero em breve assistir o filme, tomara que não seja triste demais :/
    Bjus *-*

    ResponderExcluir
  4. Oi Débora.
    Desde pequena eu amo dinossauro, mas não sabia sobre esse filme, do que se tratava e tals.
    Mas adorei sua resenha sobre o filme, e já sei o que esperar.
    Assim como você acho que todo filme, principalmente animação precisa ter aquele personagem que anima todo mundo, o Olaf foi um ótimo exemplo. Outra coisa que você falou e que me chamou a atenção, foi não focarem quando ele chega em casa, e o filme acabar. É tão legal ver por tudo o que o personagem passa, e depois ver ele feliz no final, acho que deveriam ter focado nisso então :/
    Vou assistir sim, mas com um pé atrás kkk
    Beijos
    Lost Words

    ResponderExcluir