A 5° Onda - Rick Yancey

Autor: Rick Yancey
Editora: Fundamento
Original: The 5th Wave
368 páginas

Sinopse:


Depois da primeira onda, só restou a escuridão. Depois da segunda onda, somente os que tiveram sorte sobreviveram. Depois da terceira onda, somente os que não tiveram sorte sobreviveram. Depois da quarta onda, só há uma regra: não confie em ninguém. Agora A QUINTA ONDA está começando... Cassie está sozinha, fugindo dos Outros. Ela vive em uma Terra devastada, onde qualquer pessoa, até mesmo uma criança, pode ser o inimigo. Um inimigo que parece humano, que espreita em todos os lugares, pronto para aniquilar os últimos sobreviventes. Permanecer sozinha é permanecer viva - Cassie acredita nisso até encontrar Evan Walker. Mas será que ela pode confiar nele? Será que ele pode ajudá-la a resgatar o irmão? Chegou o momento em que Cassie deve escolher entre a esperança ou o desespero, entre enfrentar os Outros ou se render ao seu destino, entre a vida ou a morte. Entre desistir ou lutar!



Saí do cinema depois de assistir A 5° Onda com vontade de ler o livro logo. Mas isso foi porque eu gostei do filme? Não necessariamente. É que - assim como em Dezesseis Luas - eu tive a impressão de estar assistindo um livro filmado e não um filme com linguagem própria. Ué, mas como assim?

Muitos roteiristas - acredito que na vontade de agradar os fãs dos livros - optam por transcrever quase tudo do livro para o filme, sem se importar se estão criando um material cinematográfico digno. E foi isso que vi. Tramas que ficariam bem interessantes em um livro, mas que acabam meio bobas quando transformadas em filme.

E foi assim que fui ler o livro. Realmente o filme é muuuito parecido, mudando poucas coisas essenciais para encurtar a história. Se você gostou do filme, vai gostar do livro. Se achou a história meio maluquinha, não vai gostar.

E eu gostei do livro. Não foi aquela leitura sensacionaaal, mas deu para prender um bocado e provavelmente teria gostado mais se não tivesse visto o filme. Mas gostei muito da Cassie (mais até do que a do filme, embora eu goste da Chloe Moretz) e achei que - mesmo com o drama romântico que surgiu - ela se manteve bem badass até o final. E Esp também, que é incrível. 

A história se divide entre Cassie tentando sobreviver num mundo após a invasão alienígena e Ben Parish - seu crush do colégio - tornando-se o soldado chamado Zumbi. No começo achei a parte dele meio monótona, mas quando Cassie encontra Evan, as cenas da base militar acabam compensando em adrenalina as cenas em que a protagonista fica parada.

E isso o livro sempre tem. Ação, adrenalina, aventura. E isso retratando uma sociedade que usa crianças para o combate militar ( e até morrendo com isso), algo que foi bem mais atenuado no filme. Só acho que o personagem do Evan foi do 8 ao 80 muito rápido e não pudemos ver esse amadurecimento acontecer.

E realmente achei todo o final um tanto apressado e meio sem sentido. O começo foi muito bom, o meio é boring e o final dá aquela recuperada, mas nada como o início da história. 
Acho que o livro teria até mais a ganhar se as cenas de Cassie acontecessem mais na fuga dos Outros, porque seria mais plausível do que as situações posteriores (lembrando que mesmo uma obra de ficção tem que ter verossimilhança).

Mas gostei do livro. Acho que é uma leitura de muito entretenimento.

Veja a resenha que Andrei fez do filme A Quinta Onda.

Coleção:

- A 5° Onda
- O Mar Infinito

Avaliação (de 0 a 5): 3,5





Photobucket
Não deixe de participar do nosso top comentarista do mês

12 comentários:

Deixe seu comentário