3 Filmes para assistir no Netflix - Parte 2

Quando nós imaginamos que já assistimos todos os filmes legais da Netflix, sempre nos deparamos com mais filmes do enorme catalogo do aplicativo. Muitas vezes a indecisão toma conta e passamos tanto tempo procurando o filme perfeito para o momento que deixamos alguns diamantes do cinema passarem despercebidos por nós.
Para ajudar, resolvi separar 3 filmes para te poupar na escolha da imensa lista do serviço. E aí, faltou algum? Comente!
1 - Trilogia Senhor dos Anéis
IMDB: 8,8 ; Metacritic: 91; Rotten Tomatoes: 94%
Consagração. A adaptação cinematografica da trilogia de J.R.R. Tolkien pode ser resumida nessa única palavra. Peter Jackson tem grande parte de contribuição para o sucesso da jornada de Frodo e companhia rumo a Mordor, a fim de destruir "o anel". Os efeitos visuais que são incriveis para a epoca, as batalhas muito bem elaboradas e inesqueciveis e as atuações de todos os atores são dignas de aplausos. A maior obra de arte do gênero fantasia se enaltece por retratar temas que todos nos relacionamos, seja sobre a busca de poder ou então o poder da amizade.
2 - Taxi Driver
IMDB: 8,3; Metacritic: 93; Rotten Tomatoes: 99%
A confusão que se passa de um taxista veterano da Guerra do Vietnã, que tem acesso ao mais obscuro submundo dos vagabundos, mendigos, drogados e prostitutas da noite de Nova York, é o plot de 'Taxi Driver'. Scorcese organiza de forma brilhante a instabilidade mental pela qual o protagonista passa, afinal, ele lutou tanto na guerra  para voltar e ver isso? Robert De Niro dá vida ao paranoico e aflito protagonista Travis Bickle, deixando bem clara toda a desorganização de seus pensamentos e ideias. A direção de arte é caprichada e dá vida de forma magistral à estética urbana de Nova York da década de 70. A trilha sonora também se destaca, sendo comandada por Bernard Hermann, que cuidou de canções de O Poderoso Chefão. Jodie Foster, na pele de uma prostituta de apenas 13 anos, também se sobressai no longa.
3 - Beleza Americana
IMDB: 8,4; Metacritic: 86; Rotten Tomatoes: 88%
Dissecando a alma mais íntima das famílias de classe média do subúrbio dos EUA, 'Beleza Americana' expões a verdade que preferimos não ver. Com bons personagens, em especial Lester Burnham (Kevin Spacey) que passa pelo monótono tipico pai de família ao homem que quer enxergar beleza na vida, e um roteiro sutil, porem que se revela feroz, o filme causou polemica por nos colocar de frente com tudo o que o ser humano ordinário é capaz de fazer.

Para ler a parte 1, clique aqui

1 comentários:

  1. Oi Andrei
    Eu não sabia que Beleza Americana estava disponível. Tenho muita vontade de ver esse filme. Dica anotada ;)

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir