Depois Daquela Montanha - Charles Martin

Sinopse: O Dr. Ben Payne acordou na neve. Flocos sobre os cílios. Vento cortante na pele. Dor aguda nas costelas toda vez que respirava fundo. Teve flashes do que havia acontecido. Luzes piscavam no painel do avião. Ele estava conversando com o piloto. O piloto. Ataque cardíaco, sem dúvida. Mas havia uma mulher também – Ashley, ele se lembra. Encontrou-a. Ombro deslocado. Perna quebrada. Agora eles estão sozinhos, isolados a quase 3.500 metros de altitude, numa extensa área de floresta coberta por quilômetros de neve. Como sair dali e, ainda mais complicado, como tirar Ashley daquele lugar sem agravar seu estado?
À medida que os dias passam, porém, vai ficando claro que, se Ben cuida das feridas físicas de Ashley, é ela quem revigora o coração dele. Cada vez mais um se torna o grande apoio e a maior motivação do outro. E, se há dúvidas de que possam sobreviver, uma certeza eles têm: nada jamais será igual em suas vidas.
Título: Depois Daquela Montanha
Autor(a): Charles Martin
Editora: Arqueiro
Páginas: 304
Ano: 2017

Classificação:  

Oi gente, tudo bem?
Hoje a resenha é sobre um livro incrível, que me surpreendeu muito, e me mostrou o poder do amor. E que é nas horas mais difíceis que descobrimos nossa maior força.




Ben quer voltar para casa, mas todos os vôos são cancelados no aeroporto de Salt Lake City por conta de uma forte nevasca.
Então ele conhece Ashley, que está noiva, e no dia seguinte vai ser seu casamento, ela não pode se atrasar no dia do seu casamento né? Muito menos faltar ao próprio casamento. 
Então Ben decide contratar um vôo fretado e chama Ashley para ir com ele, lógico que ela aceita, mal sabiam o que estava por vir. 

"- Você me pediu um conselho. Vou lhe dizer a mesma coisa que disse a minhas filhas, antes de elas se casarem. Case com o homem que vai caminhar a seu lado pelos próximos cinquenta ou sessenta anos. Que vai abrir portas, segurar sua mão, fazer seu café, passar loção nas rachaduras dos seus pés, pôr você no pedestal que é o seu lugar. Ele está se casando com o seu rosto e o seu cabelo louro pintado ou vai amar você quando sua aparência for muito diferente, daqui a cinquenta anos?"

O piloto têm um ataque cardíaco, e o avião caí, Ashley quebra a perna, e Ben sente muitas dores nas costelas. Eles estão no meio do nada, para todos os lugares que Ben olha só tem neve, e o pior, a uma altura de 3.500 metros, ou seja, está difícil até para conseguirem respirar. Como Ben vai tirar Ashley desse lugar sem agravar o estado dela? Como eles vão sobreviver ao frio e a fome?

"Estava exausto. Pensando na vida e em quão curta ela é. Em como estamos sempre a uma distância ínfima de nos apanharmos capotados numa vala, com um bombeiro cortando ferragens para nos tirar de lá. Foi um daqueles momentos em que eu entendi, realmente entendi, que a vida não é garantida. Que eu a tomava por certa, sem lhe dar valor. Que acordava todos os dias achando que também acordaria no dia seguinte."

Eu comecei a ler Depois Daquela Montanha achando que ia ser só mais um livro, igual aqueles filmes que têm sobre o assunto, um homem e mulher ou um grupo que cai de avião e precisam sobreviver a isso. Mas NÃO, Depois Daquela Montanha vai muito além de só sobreviverem a essa situação desesperadora, fala sobre amor, respeito, confiança, e acima de tudo, sobre perdão.

"- Quando se parte o coração... ele não volta simplesmente a crescer. Não é uma cauda de lagartixa. É mais parecido como um enorme vitral que se estilhaça em milhões de pedaços, e não volta a colar. Os corações estilhaçados não se emendam nem saram. Não funcionam desse jeito. Talvez eu esteja lhe dizendo uma coisa que você já sabe. Talvez não. Só sei que, quando a metade morre, a coisa inteira permanece em dor. Por isso, você fica com o dobro da dor e metade de todo o resto. Pode passar o resto da vida tentando remendar o vitral, mas não adianta. Não há nada capaz de juntar os pedaços."

Ben tem uma família para qual quer voltar, e no livro é intercalado presente e o passado do Ben, ele têm um gravador que ganhou da sua esposa, como ele é médico eles não tinham muito tempo para conversar, então ela deu um gravador que ficava uns dias com ela, e uns dias com ele, como um bastão, e assim, eles gravavam um pouco dos seus dias, e se sentiam ainda mais próximos.
Ben é um verdadeiro herói, ele luta o tempo todo, e luta mais pela Ashley do que por ele. Ela ajuda ela com tudo, e faz umas coisas 'loucas' para conseguir levar ela de um lugar para outro. Ele demonstrou uma força fora do comum, uma força que ele tinha lá no fundo, e o instinto de sobrevivência.
Ashley é uma mulher muito forte, ela está com a perna quebrada, e têm muitos ferimentos no corpo, e mesmo assim aguenta firme, não reclama, e ainda mantem o senso de humor, o que eu achei incrível.

"- Paus e pedras podem quebrar ossos, mas, se você quiser ferir alguém... bem fundo, use palavras."

Tenho que falar também da coisa mais fofa do livro, o cãozinho, ele era do piloto e sobreviveu a queda, ficou o tempo todo com Ben e Ashley, e adorava ver o Ben falando dele.
Depois Daquela Montanha foi uma leitura incrível, que me colocava junto na história com os personagens, sentia a agonia deles, o medo, e ao mesmo tempo eu ria quando eles estavam rindo, e torcia a cada página para tudo dar certo no final. E sobre o final? Até agora não consigo acreditar, foi algo impactante, só digo mais uma coisa: LEIAM.

A edição está linda, a Arqueiro como sempre arrasando.

Me conta aqui nos comentários se vocês já leram, ou querem ler?

Beijos

Não deixe de participar do nosso top comentarista do mês

4 comentários:

  1. Este é um livro que desde o seu lançamento me chamou demais a atenção. Creio que sua historia realmente parece aquelas de filme, mas fiquei ainda mais animada de poder conferir tua resenha sobre o livro e ver que há muitas mais coisas desenvolvida na historia. Acho esta capa linda também ♥

    ResponderExcluir
  2. Aline!
    É que estamos tão acostumados a ler romances que sempre achamos que os casais ficarão juntos, principalmente numa situação como a que os protagonistas estão passando, porque estão sós e isolados.
    Fiquei bem intrigada para ver como será esse final.
    Desejo um ótimo final de semana!
    “A poesia contém quase tudo que você precisa saber da vida.” (Josephine Hart)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA novembro 3 livros, 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  3. Quero muito assistir o filme desde que eu vi o livro na verdade eu nem sabia que tinha um livro mas achei tão interessante que sinceramente vai se tornar a minha próxima leitura

    ResponderExcluir
  4. Quero muito ler o livro e assisti ao filme, sei que não vou me decepcionar. Achei a história linda e fico imaginando como vai terminar cada um dos personagens.

    ResponderExcluir