A coroa da vingança - Colleen Houck

Meses após sua pacata vida como herdeira milionária sofrer uma reviravolta e ela embarcar numa vertiginosa jornada pelo Egito, Lilliana Young está praticamente de volta à estaca zero.
Suas lembranças das aventuras egípcias e, especialmente, de Amon, o príncipe do sol, foram apagadas, e só resta a Lily atribuir os vestígios de estranhos acontecimentos a um sonho exótico. A não ser por um detalhe: duas estranhas vozes em sua mente, que pertencem a uma leoa e uma fada, a convencem de que ela não é mais a mesma e que seu corpo está se preparando para se transformar em outro ser.
Enquanto tenta dar sentido a tudo isso, Lily descobre que as forças do mal almejam destruir muito mais que sua sanidade mental – o que está em jogo é o futuro da humanidade.
Seth, o obscuro deus do caos, está prestes a se libertar da prisão onde se encontra confinado há milhares de anos, decidido a destruir o mundo e todos os deuses. Para enfrentá-lo de uma vez por todas, Lily se une a Amon e seus dois irmãos nesta terceira e última aventura da série Deuses do Egito.

Quando terminei a leitura do segundo livro da série eu estava bem decepcionada, isso porque não gosto de triângulos amorosos e a autora sempre abusa disso em suas séries (sério, alguém precisa dizer pra Colleen que não precisa disso pra criar uma história incrível)... a personagem Lily tinha mudado completamente pois havia passado a dividir o corpo com uma leoa, a Tia, e essa ficou gamada no irmão do Amon, o Asten... no final do segundo livro Lily passa a dividir o corpo com mais uma personagem, a fada Ashleigh...

Nesse começo do terceiro livro da série, Lily está de volta a fazenda da sua avó mas não se lembra de nada no passado, não sabe do seu amor por Amon, nem que o mundo está próximo de ser destruído e nem que divide o corpo com dois outros seres... e eu achei ótimo isso, pois a publicação dos livros foi bem espaçada, então eu também não me lembrava de muitos detalhes da história... e acabamos recordando com a Lily...

Quem aparece para guiar Lily nessa aventura é o professor Hassam, que continua sendo um dos personagens que mais gosto na série, e eles tem a missão de despertar os filhos do Egito (Amon, Asten e Ahmose) e irem até Heliópolis ajudar os deuses a lutar contra Seth e seus asseclas...

Inicialmente Lily duvida de muitas coisas, mas com o apoio de sua avó percebe o quão importante é sua jornada e enfim volta a ser a personagem que eu gostei tanto no primeiro livro da série...

Dessa vez a autora decidiu também criar um romance para Ahmose, o terceiro irmão de Amon e apesar de eu não ter amado essa ideia, também não me incomodou pois logo fica claro que quem gosta dele realmente é a Ashleigh e não a Lily.... apesar de ela ter uma quedinha, enquanto não se lembra do Amon... 

Eu passei boa parte da leitura me perguntando como a autora iria resolver esse negócio de 3 pessoas no mesmo corpo, apaixonadas por 3 irmãos diferentes... e não via como ter um final feliz pra todos e isso nem era o pior dos problemas... para derrotar Seth era necessário que Lily, Tia e Ashleigh convocassem uma quarta entidade, a deusa Wasret, para isso seriam sacrificadas e só Wasret passaria a existir no corpo compartilhado...

Muitos sacrifícios foram feitos, muitas aventuras ocorreram e o que mais gostei é que nessa série as mulheres tiveram sempre os papéis fundamentais e cada uma a seu modo demonstraram força, inteligência e capacidade de lidar com suas dificuldades, enquanto seus pares as apoiaram e as fortaleceram...

O final foi de certa forma surpreendente, quando tudo parecia perdido, eis que surge a solução... e foi ótima, gostei muito do final dos personagens... e das grandes revelações...

Com essa série foi possível descobrir muito sobre a mitologia egípcia, que é riquíssima e cheia de amores, traições e superações... eu recomendo a leitura, apesar de continuar achando que a autora abusa de triângulos amorosos, no final tudo se resolve e você percebe melhor quem gosta de quem...

Livros da Série:
- A coroa da vingança

0 comentários:

Deixe seu comentário