Baía dos Suspiros (Os Guardiões #2) - Nora Roberts

Para celebrar a ascensão ao trono de sua nova rainha, as deusas da lua criaram três estrelas, de fogo, água e gelo. Mas a deusa da escuridão as fez cair do céu, pondo em risco o destino de todos os mundos. Os seis guardiões, três homens e três mulheres de natureza especial, seguem unindo forças na busca pelas estrelas.
Com sua bússola mágica, Sawyer King os transporta para a ilha de Capri, onde está escondida a Estrela de Água. Agora, eles vão precisar contar ainda mais com a sereia Annika. Nova neste mundo, sua pureza e beleza são de tirar o fôlego, assim como sua lealdade e disposição em proteger os novos amigos.
Sawyer logo se vê atraído por seu espírito alegre. Mas Annika deve voltar para o mar em breve, e ele sabe que, se permitir que ela entre em seu coração, nenhuma bússola será capaz de guiá-lo para a terra firme…
Enquanto isso, na escuridão, Nerezza está furiosa com a primeira derrota e planeja um retorno ainda mais maligno. Ela perdeu uma estrela para os guardiões, mas ainda há tempo para derramamento de sangue. Pois uma nova arma está sendo forjada. Algo mortal e imprevisível.
Eu não tinha lido o primeiro livro dessa trilogia, mas aí resolvi ler esse segundo livro e já vou avisando... Não dá pra ler fora de ordem... daí sai correndo atrás do primeiro livro e aí sim, pude começar a entender a história...

Muita coisa acontece no primeiro livro, mas vou dar uma pequena introdução aqui... Três deusas preparam 3 estrelas para dar de presente para uma nova rainha, mas uma quarta deusa se sente excluída e resolve roubar as estrelas para si (Hello Malévola)... Para proteger as estrelas as deusas escolhem 6 pessoas que podem resgatar as estrelas e levá-las ao seu local seguro.

Então no primeiro livro eles se encontram, o primeiro casal se apaixona e eles conseguem resgatar a primeira estrela... agora eles estão em busca da segunda estrela...

Sawyer e Annika irão formar o segundo casal da trilogia e nesse livro vemos como anda o amor dos protagonistas do primeiro livro, assim como o começo do interesse dos protagonistas do terceiro livro.

Sawyer King tem o poder de se transportar através do tempo e espaço, sem dúvida, é o poder mais legal que já vi... para isso ele possui uma bússola que é passada de geração a geração, sempre com o intuito de ajudar o portador a encontrar as estrelas das deusas... há muitos anos ele se dedica a essa busca, mas apenas agora começou a ter sucesso... antes da busca efetivamente começar, ele viu um retrato feito pela vidente do grupo, de Annika e já se apaixonou por ela instantaneamente... mas quando conheceu a mulher real, não teve coragem de se aproximar dela como gostaria pois julgou estar se aproveitando da inocência da moça... isso porque Annika não é desse mundo, ela é uma sereia...

Annika desde o começo esteve interessada em Sawyer, seu tempo em nossa terra com pernas é limitado a 3 luas, então sabe que o que vier a acontecer entre os dois não tem muita chance de durar, mas ela prefere o pouco tempo que eles tem juntos a não ter nada... e assim decide fazer com que Sawyer tome uma atitude... 

O casal é muito fofo juntos, ele é meu personagem masculino favorito da trilogia, brincalhão, risonho, amigo e quando enfim deixa de lado suas reservas, extremamente apaixonado... Annika é uma personagem pura, sem malícia, sem pudor, com uma mentalidade que muitas vezes fica deslumbrada com nosso mundo, mas sempre alegre, bem disposta e corajosa...

A trilogia é um prato cheio para quem gosta de romances sobrenaturais e a escrita da Nora é daquelas que te prende e mesmo quando você pensa, vou terminar só esse capítulo... quando vê já perdeu a noção do tempo...

Eu sou bem suspeita a falar, porque gosto de quase todos os livros da autora (que diga-se de passagem, é uma máquina de escrever)... e agora vou ficar aqui, ansiosa pelo próximo livro da série que tem previsão de ser publicado ainda esse ano.

0 comentários:

Deixe seu comentário